Hiroshi Bogéa On line

Fogo pelas ventas

Sebastião Miranda, ex-prefeito, e o atual, Maurino Magalhães, se encararam pela primeira vez em público, durante a posse de Sebastião Ferreira na Coordenação da SEIR, em Marabá. O fuça-à-fuça ocorreu diante de Ana Júlia, que a tudo assistiu, impávida, sem demonstrar nenhuma preocupação com a o processo de lavanderia dos dois políticos marabaenses.

No primeiro round público, Tião Miranda levou a pior. Maurino disse que tudo o que o ex-prefeito disse sobre a situação financeira deixada ao sucessor não era verdade. Como não teve direito à réplica, diante da distinta platéia, integrada basicamente por formadores de opinião, Miranda ficou de queixo-caído.

Os deputados João Salame (PPS) e Bernadete Caten (PT) protagonizaram também outro pega cheio de emoção

Falando depois de Salame, sua colega pediu que o parlamentar provasse com atos toda a preocupação que ele dissera no discurso ter com o sucesso do governo Ana Júlia, lutando junto ao G-8 para o grupo atuar verdadeiramente como aliado do Palácio dos Despachos, na AL.

Também do jeito que estava, Ana ficou. Impávida, observando a reação fisionômica do distinto público.

Foi emocionante pra dedéu.

Post de 

12 Comentários

  1. Anonymous

    14 de abril de 2009 - 18:03 - 18:03
    Reply

    A situação do lixo em nossa cidade é muito séria, as autoridades devem resolver isso, o quanto antes, pois poderemos nos deparar com um mal maior, em virtude da falta de higiene, se no momento não está se tratando o lixo, pode-se em um curto espaço de tempo ter que se tratar pessoas com doenças infectocontagiosas provenientes do lixo. É preocupante a situação, já pensaram que os munícipes poderão ter que enfrentar uma epidemia? Por causa do lixo que se acumula em nossas ruas.

  2. Anonymous

    14 de abril de 2009 - 17:02 - 17:02
    Reply

    Entre Tião e Maurino não há o que se comparar em termos de gestão pública. O Sebastião é um cara de trabalho e a cidade de Marabá é a maior prova disso. Vamos dar a Cesar o que é de Cesar sem paixões com racionalidade. De passagem por Marabá no final de semana pude medir isso.Muito lixo na cidade que já não tem o visual de antes.

    Francisca Toledo

  3. Anonymous

    11 de abril de 2009 - 11:45 - 11:45
    Reply

    Que droga eu perdi, pois estava preso na recem inaugurada obra de pavimentação entre xinguara e eldorado, aqui pra nós, uma palhaçada, estradas cortadas e trechos recem pavimentados pior que os antigos. UMA VERGONHA.
    Mas com os comentarios dos colegas parece hilariante. NAVEGA PARÁ, NAVEGA…

  4. Anonymous

    10 de abril de 2009 - 15:01 - 15:01
    Reply

    então os corujas… querendo pozar de bonito e o tal… se estrubucharam… Maurino desmascarando o Tião…. e a bernadeth cobrando trabalho do Salame… que só fazem aué… eu tava lá tambem ..

  5. Hiroshi Bogéa

    9 de abril de 2009 - 21:07 - 21:07
    Reply

    Divertido, parceiro, divertido, pacas!

  6. Val-André Mutran

    9 de abril de 2009 - 19:28 - 19:28
    Reply

    Quente a posse de nosso amigo, heim Hiroshi?!

  7. Anonymous

    9 de abril de 2009 - 18:43 - 18:43
    Reply

    Não consigo entender o real motivo da raiva do prefeito Maurino Magalhães, para com o ex-prefeito Sebastião Miranda, pois o Tião fala que deixou a prefeitura saneada, com fornecedores e funcionários todos pagos, e que ainda ficou algum montante em caixa. Acho que o Tião está falando a verdade, se não fosse assim o atual prefeito não teria nenhuma condição para fazer tantas contratações, segundo se comenta na cidade foram milhares, pois pra contratar tem que ter dinheiro, então podemos concluir, que a prefeitura estar com muito dinheiro. A situação de Marabá acho que é uma das melhores em todo estado, enquanto as outras prefeituras estão demitindo, em Marabá se contrata, então estar tudo bem, temos que agradecer ao Tião.

  8. Anonymous

    9 de abril de 2009 - 04:25 - 4:25
    Reply

    É impressionante como o Tião, mesmo fora do governo ainda incomoda!

  9. Anonymous

    9 de abril de 2009 - 02:43 - 2:43
    Reply

    O Maurino foi brilhante…..

  10. Anonymous

    9 de abril de 2009 - 01:28 - 1:28
    Reply

    Hiroshi, o Maurino é muito ruim tecnicamente, mas pelo menos nisso ele tem razão, o Tião falou muita besteira, dizendo que tinha deixado isso, deixado aquilo, bem feito, esse rapaz tava merecendo umas verdades ditas assim mesmo na frente de um grande público.

  11. João Salame

    8 de abril de 2009 - 23:37 - 23:37
    Reply

    Meu caro Hiroshy

    Eu não protagonizei nenhum pega com a deputada Bernadete. Por um erro do Cerimmonial (uma pena que esses erros sempre favorecem os parlamentares do PT) me colocaram para falar antes da deputada. Como 1o. vice-presidente da Alepa deveria ser o último a falar antes da governadora. Não fui deselegante e não criei caso por isso. Fiz minha fala parabenizando a governadora por estar nomeando o Ferreirinha; agradecendo o apoio que ela tem dado ao exercício do meu mandato, mesmo sabendo que eu não a apoiei nas útimas eleições, e fazendo algumas solicitações. Claro que pesa a favor dessa relação a representatividade que nosso mandato adquiriu, em especial com a formação de um bloco suprapartidário de 8 deputados que tive a honra de liderar todo esse tempo. Na oportunidade relacionei todos os recursos que já trouxe para Marabá e pedi à governadora apoio para a construção de um Estádio de Futebol no município; revisão nas cotas de patrocínio do Campeonato Paraense de Futebol que beneficiam de maneira absurda Remo e Payssandu e que ela penssasse com carinho a possibilidade de nomeação de um secretário de Estado oriundo de nossa região para seu governo. Não sei em que ponto a deputada se melindrou. De forma deselegante para o momento foi agressiva e cobrou apoio do G 8na aprovação de projetos de interesse do governo na Assembléia.
    A própria governadora tratou de colocar as coisas no seu devido lugar ao fazer questão de destacar o apoio que tem recebido do nosso mandato na Alepa.
    Não há um projeto sequer de importância para o governo que tenha deixado de ser aprovado na Alepa por causa do G 8. Ao contrário, além da oposição do PSDB, quando alguns desconfortos surgiram foram causados por parlamentares do próprio PT e do PMDB. Os casos dos temporários e da indicação feita pela governadora para o Tribunal de Contas dos Municípios são emblemáticos, para ficarmos em apenas dois.
    Nada tenho contra a deputada Bernadete. Eu fui um dos que articulei sua nomeação para secretária de Educação do ex-prefeito Haroldo Bezerra. A ajudei em outras oportunidades em suas candidaturas. Ainda a tenho em boa conta. Mas, sinceramemnte, não entendi sua reação raivosa.
    Da mesma forma ninguém entendeu a reação do Maurino. Aliás, entendemos muito bem.
    Atenciosamente

    João Salame

  12. Anonymous

    8 de abril de 2009 - 17:13 - 17:13
    Reply

    E são essas as pessoas a quem delegamos poderes através de nosso voto. E nós pobres é que somos chamados de “barraqueiros”.

    Tudo isso não passa de uma grande fogueira de vaidades. O detalhe é que quem acaba “assado” nela, somos nós.

    O fato acabará entrando para os anais folclóricos como tantos que já temos, e acabará sendo tratado como algo “engraçado”.

    Pena que a grande maioria da população tenha problemas auditivos, visuais e intelectuais.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *