Hiroshi Bogéa On line

Festribal

O Tribódromo já está quase pronto. A arena em que as tribos Munduruku e Muirapinima se enfrentarão em Juruti, no Oeste do Pará, passa pelos últimos retoques. Entre 30 de Julho e 1º de Agosto, a 16ª edição do Festribal, reconhecido desde 2008 como Patrimônio Cultural do Pará, será palco do duelo mais colorido do Estado. Para aquecer a torcida do município e receber os turistas que chegam, anualmente cada tribo lança um CD com novas toadas.

Durante o primeiro final de semana de Julho, a tribo azul e vermelha, Muirapinima, apresentou seu mais recente trabalho, o CD “Nosso amor”; enquanto a tribo Munduruku reuniu a torcida amarela e vermelha no último sábado (10) para lançar “Pajelança”.

A festa recebe patrocínio do Governo do Estado, da Prefeitura Municipal e de empresas contratadas da Mina de Juruti e Alcoa, que pelo sexto ano consecutivo apoia o Festribal.

Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    19 de julho de 2010 - 13:08 - 13:08
    Reply

    Cultura Popular é bem-vinda em qualquer lugar do mundo, independentemente se é algo particular a sua comunidade ou se é divulgado, como o Festribal. Questões de identidade são muito específicas, particulares. E são essas particularidades que fazem da cutura popular brasileira algo único. É importante ter consciência de que há pessoas envolvidas, um município inteiro trabalhando para oferecer o melhor para os outros, e boas intenções de todos que fazem parte do Festribal. As cores do evento e a espiritualidade evocada durante as apresnetações representam o prazer dos jurutienses em receber os turistas e o orgulho de ter uma dos patrimônios culturais mais colorido do Pará.

  2. Anonymous

    15 de julho de 2010 - 16:39 - 16:39
    Reply

    Umas danças ridículas(ficam pulando,igual sapo)umas músicas horrorosas,bom seria colocar esses índios preguiçosos para trabalhar e produzir alguma coisa,aí pagariam impostos igual à todos nesse país,coisa mais imbecil !!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *