Hiroshi Bogéa On line

Fazenda Curuá

Alvo de serenos e incontestáveis artigos assinados pelo jornalista Lucio Flávio Pinto, que lhe valeram, inclusive, processos judiciais, a grande área formadora da chamada Fazenda Curuá, supostamente de propriedade do empresário Cecílio Almeida, teve esta semana a sua desocupação formalizada pela Justiça Federal. Isso quer dizer ser possível adotar agora medidas de ordenamento daquela imensa área cheia de conflitos.
Saudar essa decisão, mas com reservas. Ali existe sempre alguém com o diabo no couro querendo desmoralizar as representações legítimas do Estado.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *