Estrada alternativa facilitará acesso ao Moju

Publicado em 7 de maio de 2014

 

O governador Simão Jatene, após avaliar as condições de trafegabilidade , determinou nesta terça-feira (06) a realização de obras de recuperação de um ramal de 58 quilômetros, com entrada de acesso ao município do Acará, pela rodovia Perna Sul da Alça Viária, e saída na sede do município de Moju, no nordeste do Estado. Simão Jatene foi ao local junto com técnicos da administração estadual, para avaliar o uso da estrada por automóveis.

A via deverá começar a receber já nas próximas semanas os reparos necessários, para ser uma rota alternativa às balsas para veículos leves, durante o período de reconstrução da Ponte Moju Cidade, danificada e interditada após a colisão de uma balsa em um dos pilares, no último dia 23 de março.

Acompanhado do secretário Especial de Infraestrutura e Logística, Vilmos Grunvald, e do secretário de Estado de Obras Públicas, Pedro Abílio do Carmo, o governador verificou que a estrada precisa de obras emergenciais para funcionar como rota alternativa, como reforço e reconstrução de pequenas pontes e melhorias em áreas de declive.

O período de fortes chuvas impediu que a medida fosse tomada anteriormente, uma vez que as obras não teriam resultado imediato. No final da manhã, Simão Jatene e comitiva se reuniram com o prefeito de Moju, Deodoro Pantoja. O governador solicitou ao gestor municipal que inicie o diálogo com as comunidades locais e acompanhe a execução das obras. “Certamente vai ajudar muito como rota alternativa, enquanto for realizado o serviço na ponte”, afirmou Simão Jatene.

As balsas continuarão operando na travessia do Rio Moju, e o acesso à estrada alternativa só será permitido para veículos pequenos, para evitar que veículos pesados deixem a rota intrafegável.

Ainda durante a inspeção, o governador foi ao local onde está sendo feita a adequação da rampa de acesso, que será mais uma opção de embarque e desembarque de passageiros e veículos nas balsas que fazem a travessia.

O secretário de Estado de Transportes, Eduardo Carneiro, e o engenheiro Paulo Barroso, especialista em Estrutura, informaram que já estão sendo tomadas as medidas para o início das obras de recuperação da ponte sobre o Rio Moju. O serviço começará com o escoramento (reforço) nas estruturas, para ser feita com segurança a demolição do trecho comprometido. Em seguida, serão iniciadas as obras de reconstrução e recuperação. Desde a interdição da ponte, o governo do Estado colocou em operação balsas para fazer o transporte gratuito de passageiros e veículos.