Escapando entre os dedos

Publicado em 13 de março de 2007

Dirigentes do PDT de Redenção ligados a Giovanni Queiroz estranhamente amanheceram a terça-feira (9) falando com menos entusiasmo sobre a robustez dos cargos do Ministério da Previdência disponibilizados no interior. É que não se falava em outra coisa aqui por estas bandas depois da oferta do ministério ao partido na equação de governabilidade montada em Brasília. Como o PDT assinou requerimento favorável à CPI do “Apagão Aéreo”, e dia seguinte Lula prometeu a Previdência ao PT, sinal vermelho deve ter sido emitido da capital federal com notícias nada alvissareiras.