Enquanto a ressaca se vai…

Marcha-Rancho
Ruídos captados na Setran: recuo estratégico, enquanto a caravana passa.
Ainda hoje, mais detalhes. Aqui no blog

Rango regado a tamborim
Tião Miranda, advogado Inocêncio Mártires e José Priante conversavam alegremente num restaurante de Belém. Por mais tenha se aproximado do trio, fonte não conseguiu ouvir o papo.

Não posso me amofinar
Maurino Magalhães, textualmente, para o poster:

– Com dinheiro ou sem dinheiro, sou candidato a prefeito de Marabá. Ganharei a eleição apenas com votos do povo. Não recuarei nessa missão.

Quem são eles
O blogger aguarda a postagem em domicílio de documentos (diz-se fartos documentos) que abrirão portas para uma série de denúncias neste espaço. A transação tenebrosa envolve auditor de um órgão.
Expectativa é grande.

O quê que a baiana tem?
A baiana não sei, mas o Quiosquinho do Chico (ele não gosta de ser chamado de Zezão, nome verdadeiro. Entenda-se o Zé-Chico) tem sarapatel de bode, buchada, cozidão, galinha caipira, assado de panela e um baião-de-dois com feijãozinho regional quentinho, saído na hora. Dá pra ver a fumaça subindo, cheirosa.
Já sei! Vou cair de boca no sarapel e buchada.
O corpo pede. Urgentemente.
Depois de um soneca, o poster volta a interagir.
Boas Chicadas a todos.