Hiroshi Bogéa On line

Encerrando o caso

Marcelo Marques – o Bacana -, disse não ter tido nenhuma intenção de desmentir nota sobre a queda do forro do Shopping Boulevard. A versão dele, inclusive, virou post no próprio blog – depois do telefonema dele que encontrou o poster descendo a Serra dos Carajás, no meio de semana.

Não há nenhuma razão para duvidar de suas explicações.

Como também nenhuma dúvida deva se espraiar a respeito da veracidade da notícia estampada pelo autor deste blog.

O forro do shopping desabou, do jeitinho aqui contado.

Só faltou dizer que os engenheiros do empreendimento construído na Doca foram levados às pressas num taxi, depois de acordados por volta de 3 da manhã daquele dia, pelo presidente da Associação dos Taxistas do Crowne Plaza, local onde se encontram ainda hospedados.

A direção do Boulevard, ao invés de trilhar pela rota da transparência emitindo nota oficial a respeito do acidente, agiu como bandido em fuga, e, pior, procurou esconder o fato com telefonemas às redações dos jornais de Belém ou a colunistas das mesmas empresas pedindo a omissão do acontecimento.

E só procurou “desmentir” o blog uma semana depois da publicação da notícia, assim mesmo buscando amigos locados em seus respectivos veículos.

Não se dignou enviar nota oficial a este jornalista desqualificando a informação.

O que o blog pretende deixar claro aos seus leitores é o seguinte: jamais publica notícia, aqui e na coluna do Diário do Pará, sem a devida checagem – o que foi feito diversas vezes, no caso do shopping, inclusive apelando aos blogueiros de Belém para que dessem uma simples esticadinha até o Shopping para constatar a ocorrência.

Podem acusar o jornalista de tudo, mas nunca verão aqui nenhuma publicação mentirosa, inventada, plantada ao frescor de interesses quaisquer.

Tenham certeza disso.

Essa tem sido regra nesses trinta e poucos anos de profissão.

O blogger dá o fato por encerrado, aplaudindo o gesto do Bacana ao procurar esclarecer a posição dele de viva voz.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *