Hiroshi Bogéa On line

Emendas parlamentares garantem novos investimentos na Unifesspa

O Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA 2020), aprovado pelo Congresso Nacional, não prevê crescimento no orçamento de capital da Unifesspa, aquele destinado a investimentos em obras e compras de equipamentos. Com isso, a universidade contará apenas com R$ 3 milhões em recursos para dar prosseguimento às ações de expansão da estrutura universitária, no ano que vem.

No entanto, após intensa atuação institucional, em Brasília, a Reitoria da Unifesspa conseguiu sensibilizar diversos parlamentares que apresentaram emendas individuais, de execução obrigatória, ao Orçamento 2020, para obras e novos investimentos na universidade.

Ao todo, foram destinados R$ 3.1 milhões de reais em emendas apresentadas por parlamentares da bancada paraense. Com isso, a Unifesspa conseguirá dobrar o orçamento de capital previsto no PLOA 2020, garantido, assim, a continuidade ou início de importantes obras que irão beneficiar toda a comunidade acadêmica.

Além da continuidade da obra do Bloco Multidisciplinar de Laboratórios na Unidade 3 (Campus Marabá), os recursos serão utilizados para iniciar a construção do refeitório da Unidade II (Campus Marabá); do Núcleo de Serviços em Psicologia (Nupsi), em Marabá; do Bloco Multiuso, em Santana do Araguaia; e do Centro de Convivência, em Xinguara.

“Vamos continuar buscando reforço aos investimentos para garantir o crescimento e melhoria da infraestrutura da nossa Unifesspa. O apoio da bancada parense tem sido muito importante nesse sentido”, destaca o reitor da Unifesspa, Prof. Dr. Murílio de Abreu Monteiro. (Ascom Unifesspa)

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *