Hiroshi Bogéa On line

Em terra de cego…

Lembram do Dionísio Gonçalves de Oliveira, aquele rapaz com ares de prima-dona do setor educacional de Marabá? Pois bem, à rapidez meteórica com que chegou no município, escafedeu-se! 

Deu bye, bye sem dizer adeus.

O moço agora é um bem-sucedido empresário do setor mineral de Ourém. 

Esperto que só ele, tratou de montar naquele município uma cooperativa de extração de seixo, depois de  convencer, com o bico-bom que tem, os colonos da região, sobre o bom negócio. 

Não deu outra: o ex-professor e defensor dos educadores oprimidos, agora nada de braçadas. 

Brigar pelo pó-de-giz, pra quê, se temos seixo?!

Post de 

13 Comentários

  1. COMISSÃO DE ESTUDOS DE ASSUNTOS EDUCACIONAIS DE MARABÁ

    23 de maio de 2009 - 13:00 - 13:00
    Reply

    Informe!
    O Dionisio, o Jobemar, a Bertolina bem como outros integrantes da Comissão de Estudos Educacionais resolveram tocar suas vidas normalmente porque entederam que já haviam contribuído o suficiente para a causa, no entanto a comissão que já chegou a ser composta por mais de 50 pessoas ,pois não há limites para sua composição, hoje ainda continua atuando com mais de 20 pessoas e sob a coordenação da professora Goreth Valério da Costa.

  2. COMISSÃO DE ESTUDOS DE ASSUNTOS EDUCACIONAIS DE MARABÁ

    23 de maio de 2009 - 11:57 - 11:57
    Reply

    Hiroshi!
    O anônimo acima está correto foi a comissão de estudos educacionais com a ajuda do vereador “ferreirinha” de Marabá quem conseguiu as passagens da ida para O Dionísio juntamente com outros integrantes da comissão até Brasília denunciar as irregularidades do Município na Controladoria Geral da União e foi mesmo os senadores Ana Júlia e Mário Cardoso quem nos abriram muitas portas em Brasília .
    Temos o relatório publicado no nosso blog (http://sinteppmaraba.spaces.live.com) sob o título de Dionísio Alma Lavada o Ademir Brás sabe do que estamos falando.E a comissão ainda foi ao tribunal de contas dos Municípios e ao Ministério Público e algumas das inúmeras denúncias foram consideradas improcedentes mas muitas delas foram constatadas no entanto a imprensa na época só deu destaque para as que haviam sido consideradas improcedentes. Mas foi graças as denúncias que houve um TAC- Termo Ajuste de Conduta e a economia que este proporcionou aos cofres públicos do município tornou possível o pagamento do 14º salário para os professores nos anos seguintes.
    Nos primeiros passos desta atual administração estamos tentando negociar, quando não for mais possível estamos dispostos a seguir os mesmos procedimentos de 2005 e lembramos que agora será bem mais fácil porque o MP já emitiu o TAC e nós precisamos apenas cobrar este.

  3. Anonymous

    22 de maio de 2009 - 10:01 - 10:01
    Reply

    Epa! Quando o Maurino foi prefeito por cinco meses ele foi de avião pra Brasília denunciar as irregularidades da prefeitura , será que o Maurino pagou as passagens ?
    Até onde eu sei foi o grupo dele chamado de Comissão de Estudos de alguma coisa que fez “vaquinha” pra arrumar o dinheiro da passagem porque mesmo sendo de interesse do sindicato , este não quis bancar o rapaz. Aí os clegas dele rodaram a sacolinha e arrumaram a grana.
    Inclusive o rapaz conseguiu uma audiência com a Senadora Ana Júlia e com o Senador Mário Cardoso. Só não sei o que deu depois disso.

  4. Anonymous

    22 de maio de 2009 - 09:53 - 9:53
    Reply

    Não entendi porque a critica. O rapaz está certinho.Ele lutou pra consertar as coisas, não conseguiu foi cuidar da sua vida. Depois de todo linchamento moral que submeteram ele por aqui tinha mais era que ir mesmo pra onde ele é reconhecido é reconhecido e valorizado. É uma pena que esta cidade não o valorizou mas, fazer o que?
    Vejo outras lideranças surgindo por aí vamos ver se valorizamos e não as exportamos de novo.

  5. Anonymous

    22 de maio de 2009 - 00:56 - 0:56
    Reply

    Ouço muita gente falando do Dionisio como se ele tivesse saido do sindicato como ladrão mas a verdade não é bem assim o que aconteceu na verdade foi que o SINTEPP estadual o expulsou do quadro de filiados baseado em notinhas difamatórias que um grupinho de cupinchas da Toinha soltou por aí,notas essas pelas quais foram condenados numa queixa crime na justiça comum , e por uma suposta invsão a sede do SINTEPP estadual do qual ele era tesoureiro e até onde sei ele entrou lá para pegar as notas para prestar contas ,inclusive estão publicadas num “site”, e depois de expulso Dionisio eles trataram de dividir seu grupo de base dentro do SINTEPP influenciando o corte da candidatura de dois deles a vereador por que iriam dividir os votos da candidata a vereadora “deles” Toinha aí não deu outra eles racharam com o líder e passaram pro outro lado e brigam até hoje pra ver quem é que manda no sindicato.O rapaz mesmo tendo seus momentos de desquilibrio emocional não é desonesto talvez o melhor adjetivo seja desastrado por não saber conduzir sua base com sabedoria e deixar outros semear a discórdia e levar o sindicato como brinde.

  6. Anonymous

    21 de maio de 2009 - 14:13 - 14:13
    Reply

    Hiroshi, falar de alguém que lutou pelos outros é fácil, difícil é falar de uma pessoa que nunca fez nada por ninguém. Como o Dionísio foi uma pessoa que, se muito me lembro deu a cara a tapa e juntamente com o ex-vereador Ferreirinha beneficou muitos servidores da educaçã. Agora só pq não continua a fazer o mesmo e, como qualquer um outro faria, cuidar de seu futuro promissor, é motivo de comentários maldosos, de quem não tem a mesma inteligência.

  7. Anonymous

    19 de maio de 2009 - 21:39 - 21:39
    Reply

    Hiroshy, esse cidadão é o mesmo que ganhou a eleição do Sintepp de Marabá com a promessa de revolucionar a educação municipal, mas o que ele fez mesmo foi brigar muito pela tesouraria do sindicato…será se esta é a explicação para se tornar um empresário???

  8. Anonymous

    19 de maio de 2009 - 21:35 - 21:35
    Reply

    Quando Maurino foi prefeito interino esse cidadão usufruiu de mordomias, como passagens para Brasília e Bolívia com desculpas esfarrapadas que estava tratando assuntos da educação, sempre apoiado pelo ex-vereador Ferreirinha…

  9. Anonymous

    19 de maio de 2009 - 21:28 - 21:28
    Reply

    Ele se vestia de “santo” quando pedia audiência para falar com o ex-prefeito Tião Miranda, mas o Tião já via nele um esperto oportunista. Foi tiro e queda…

  10. Anonymous

    19 de maio de 2009 - 03:10 - 3:10
    Reply

    Anota aí: o ex-professor também é funcionário da Escola de Governo, onde exerce o cargo de Gerente de Projetos, nomeao que foi pela Diretora da Escola, ainda professora Edilza Fontes.

  11. Anonymous

    18 de maio de 2009 - 11:24 - 11:24
    Reply

    É como sempre digo: existe outras possibilidades. Basta querer enxergar além do palmo a sua frente.

  12. Anonymous

    18 de maio de 2009 - 00:04 - 0:04
    Reply

    O Ferreirinha deve estar doente com essa notícia. Era o o guru dele.

  13. Anonymous

    17 de maio de 2009 - 23:47 - 23:47
    Reply

    Hiroshy,
    DIONISIO, É AQUELE QUE QUERIA ENTRAR NA D.S, a tend~encia da Governadora.!
    João Souza

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *