Hiroshi Bogéa On line

Em nome dos jovens

Neste sábado, 11, no Porto do Arapari, será aberta a campanha de combate ao trabalho infantil em Barcarena, idealizada pela Juizado da Infância e Juventude em parceria com a prefeitura, organizações não governamentais e iniciativa privada, sob a coordenação do juiz Raimundo Santana. Com o tema “Para Mudar é necessário agir; Faça sua parte! Diga não ao trabalho Infantil”, evento desenvolverá ações de sensibilização da sociedade para o problema.

Segundo dados do Centro de Atendimento Sócio-Educativo e Cultural, instituição que trabalha com menores em situação de risco no Arapari, ano passado foram atendidas 47 famílias, totalizando 82 crianças e adolescentes que estavam trabalhando na área portuária. No centro, elas participam de oficinas de dança teatro, atividades esportivas entre outras. Apesar dos atrativos, a evasão foi grande em 2007 e a quantidade de famílias atendidas reduziu para 29, baixando para 70 o número de crianças e adolescentes até 16 anos. Cerca de 80% das famílias atendidas pelo centro recebem o auxílio da Bolsa Família e as crianças estão na escola. Apesar dos benefícios, muitas mães ainda insistem em mandar seus filhos para a mendicância e o trabalho infantil nos portos.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *