Eleição em Nova Ipixuna: todos em campo

Publicado em 3 de maio de 2007

Amanhecem nesta quinta-feira (03) em Nova Ipixuna lideranças políticas regionais do PT e do PMDB para afinar o discurso em torno da candidatura de Cloves Avelino Ribeiro, candidato a prefeito pelo Partido dos Trabalhadores na eleição extemporânea convocada pela justiça eleitoral devido a vacância dos cargos de prefeito e vice depois da cassação dos mandatos de José Pereira e Adãozinho. O envolvimento do PMDB na eleição de Clovinho foi determinada pelo deputado federal Jader Barbalho, presidente da legenda no Pará.
O governo do Estado também decidiu jogar pesado liberando para participação na curta campanha de 20 dias secretários e dirigentes de demais órgãos. Apesar de município com pouco menos de dez mil eleitores, Nova Ipixuna ocupa localização geográfica estratégica próxima a Marabá que lhe permite ser espécie de vitrine da Pa-150 para a repercussão de ações de caráter político-administrativa.
O PT comandava a prefeitura municipal havia mais de seis anos e não quer perder o controle do município. O candidato de oposição é do PTB. Trata-se de Edison Alvarenga, figurinha carimbada por carregar uma biografia cheia de senões. Pesquisas realizadas pelos dois candidatos através de processos não confiáveis revelam empate técnico entre ambos.