Hiroshi Bogéa On line

Ela está chegando

Bel Mesquita desembarca quinta-feira, 20, em Parauaebas. À noite, reúne o partido para dizer a seguinte frase:

– O PMDB está indo para as cabeças.

Não anunciará, é claro, sua candidatura. É muito cedo ainda. Mas acomodará todo o rebanho em torno dela, pré-candidatos a vereador, partidos e as principais lideranças políticas do município.

Bel Mesquita “está adorando ser deputada federal”, mas seus compromissos com Parauapebas são maiores do que as vontades pessoais.

Fincando pé na cidade, a parlamentar do PMDB fará aquilo que mais gosta: andar nas ruas, residências adentro, percorrer bairros, e ser abraçada pela comunidade que ela ajudou a formar e construir.

A partir desta Sexta-Feira Santa, a política em Parauapebas voltará a ter flagrância feminina no ar. Mais suavidade e discurso coerente.

Bom demais para Parauapebas!

Post de 

19 Comentários

  1. zedudu

    21 de março de 2008 - 18:40 - 18:40
    Reply

    Pra ser liderança é necessário se ter coerência. Bel demosntrou te-la de sobra em reunião com o diretório do PMDB na noite de ontem. Apresentou seu nome com simplicidade, demonstrando todo o carinho que tem pelo municipio que criou. Digo isso pois Parauapebas antes de Bel Mesquita nao passava de uma vila com grande potencial. Onde todos tinham como único objetivo a realização pessoal e financeira, sem se preucupar com o povo, com o crescimento e ordenamento da cidade.
    Foi coerente em dizer que a batalha não será fácil, e nao será mesmo. Aquele velho jargão de que “vencer a máquina não é fácil”, nunca foi tão forte como agora. Será preciso cautela, prudência e sabedoria para não entrar em um embate que não trará nada de bom para ninguem. Bel pediu aos seus confrades que fiquem atentos, porem prudentes. Acho que essa será a síntese dessa campanha, prudência.

  2. Hiroshi Bogéa

    21 de março de 2008 - 17:35 - 17:35
    Reply

    Obrigado, William Bayerl.
    Você, como sempre, um gentleman.
    Vou passar também a jogar pro lixo muito fel aqui destilado.
    Abs

  3. William Bayerl

    21 de março de 2008 - 06:31 - 6:31
    Reply

    Assim como meu amigo Wanterlor Bandeira, adoro o contraditório, mas apesar de respeitar a opinião de todos, nem sempre ou quase nunca concordo com as mesmas. Algumas opiniões sobre a Bel nesse post são a prova disso.

    Concordo que o governo Bel Mesquita é merecedor de algumas observações e possuídor de algumas figuras que é de gelar a coluna, contudo foi quem deu uma cara de cidade à Parauapebas.

    Vários foram os pontos positivos para a cidade e é por isso que até hoje o povo clama sua volta. E não adianta a tentativa de difamação ou o chororô, Bel demorou, mas agora se colocou à disposição do partido para concorrer à Prefeitura de Parauapebas.

    Eu por exemplo, já sabia, afinal – como falei em meu discurso lá na reunião – sua história entre outras coisas é baseada no compromisso.

    E qdo me refiro à compromisso, não me refiro somente ao compromisso com os militantes do partido que esperavam ansiosos pela notícia, mas me refiro também ao compromisso com os mais pobres, com as mulheres e com os jovens parauapebenses. Me refiro ao compromisso que ela tem com a cidade, afinal Bel sempre diz que ama Parauapebas pq sabe que ela é um pouco da cidade e a cidade é um pouco de todos nós.

    Tudo que somos hj, somos pq Parauapebas nos proporcionou essa oportunidade e temos que retribuir isso, fazendo daqui um lugar melhor para nossos filhos e nossos netos.

    Segue seu caminho Bel, não temas e nem se apequenes e utilize sua experiência para fazer um governo ainda melhor que o primeiro.

    E, por último, que os comentários possam ser mais moderados e mais respeitosos, afinal o blog, seus leitores e personalidades como Bel, Darci e outros merecem.

  4. Anonymous

    20 de março de 2008 - 12:03 - 12:03
    Reply

    Fenelon é forte, nada nada parece que título de eleitor o homem tem demais (rs).

  5. Anonymous

    20 de março de 2008 - 11:40 - 11:40
    Reply

    Valmir da Integral brigou com Darci por causa de grana. Definitivamente o dono da Integral é um “homem da Vale” , é um homem da iniciativa privada, não tem qualquer viés de afeição a coisa pública. Podem esquecer, a viabilidade eleitoral do seu Valmir é algo próimo do ZERO.

    Ele tá iludido. É melhor ele ir cuidar da empresa dele.

    Sinto muito e respeito bastante, mas a campanha será entre Darci e Bel, os demais serão figurantes, apenas isso.

    Esta é a sina de Parauapebas, triste sina. Afinal trata-se de duas personas que já demonstraram o desprezo pela ética e a completa ausência de moral.

    A bem da verdade, a política de Parauapebas é um caso de polícia.
    O problemas é que não temos polícia.

  6. Anonymous

    19 de março de 2008 - 22:07 - 22:07
    Reply

    ALEM DO VALMIR DA INTEGRAL TEM OUTRO NOME QUE PARAUAPEBAS PRECISA, FENELON, E JUNTO COM VALMIR SERIA UM ESTOURO NESTA CAMPANHA.
    SÓ PRECISA DE UMA ARTICULADA BEM TRABALHADA EM TORNO DOS DOIS E OR ESULTADO SERIA PARAUAPEBAS LIVRE DE TODAS ESSAS MAZELAS CHAMADAS DE DARCI E BEL, O MUNICÍPIO TOMAVA OUTRA CARA, PORQUE OS HOMENS SÃO DE MORAL E TRABALHO, E SABEM ADMINISTRAR BEM.

  7. Ronaldo Barata

    19 de março de 2008 - 21:52 - 21:52
    Reply

    Amigo Hisroshi
    Não achas que já é tempo de oxigenar a política em Parauapebas? a importância deste município é tão grande, que a política paroquiana nãO TEM MAIS VEZ. Chega de Bel, Darcy e outros. Parauapebas merece um prefeito com visão empresarial, arrojado, que tenha condições de dialogar com a Vale, sem arrogância e petulância, mas sem se subordinar aos nem sempre salutares interesses de tão poderosa emprêsa. Pena que os dirigentes dos partidos políticos se preocupem somente com a possibilidade de vitória e insistem em nomes que já estão ultrapassados.
    QUE BOM SERIA SE FOSSE POSSÍVEL REPETIR EM PARAUAPEBAS O QUE ESTA PRESTES A ACONTECER NO RIO DE JANEIRO, COM A CANDIDATURA DO GABEIRA. gANHARIA A BOA POLÍTICA E O ESTADO.
    Abraços do Ronaldo Barata\

  8. Anonymous

    19 de março de 2008 - 19:40 - 19:40
    Reply

    O jogo apenas começou. Vcs já ouviram falar em Valmir da Integral. Esse senhor está há mais de 18 anos no Peba, é um empresário competente e vai entrar no vácuo da briga dessas duas alternativas desastrosas.

  9. Anonymous

    19 de março de 2008 - 13:19 - 13:19
    Reply

    Bel X Darci, PT x PMDB, Parauapebas e sua população mereciam algo melhor.

    Realmente não há diferença entre Welney e João Fontana, entre Wellignton Valente e Hernandes Margalho.

    Agora, caros amigos, esperávamos um governo DARCI-PT bem diferente do que foi o de Bel Salmen (Mesquita).

    Darci era povo, já Bel, todos sabem odeia povo. De Darci se esperava mais, bem mais.

    O que se ver na gestão Darci é uma continuidade do que havia de pior no governo Bel, de pior mesmo.

  10. Anonymous

    19 de março de 2008 - 12:39 - 12:39
    Reply

    tem momento que o homem tem que ter saco roxo pra, espero que publique esse comentario admiro seu trabalho.

  11. Anonymous

    19 de março de 2008 - 12:33 - 12:33
    Reply

    o Weliton valente verdade que não lá essa coisa mais mostra ser competente com grande atuações no exercicio de sua profisão. Mais nem Jesus agrado a todos, fazer o quer né?

  12. Anonymous

    19 de março de 2008 - 12:30 - 12:30
    Reply

    DR Hernandes. Esse ai é pior do o DR Welney. mal assumiu a secretario liberou o aalvara do loteamento com a condição de ser socio do mesmo. sem falar no escritorio que montou, como pode um procurador publico ter um escritorio particular e ser socio de um loteamento que deve lhe render milhões…. È tem proposta pra area da saude tambem pois alem de advogado mostra ser um grande empresario no ramo da saude…

  13. Anonymous

    19 de março de 2008 - 12:26 - 12:26
    Reply

    O que o professor Walter escreve ou falar não dar nem pra ser levado a serio, um a vez que ele é um tremendo louco vive de fazer, acordo, pra fica calado, exemplo disso foi nas Eleições pra prefeito que o DEM o Antigo PFL teve que dar um salario pra ele deixa de fica falando besteira nas esquina da cidade enquanto não conseguiu um patrocinio pra publica o seu ” Jornal ” ficou desmoralizando e criticando o processo democratico que ocorria, em fim no final da conta de pois que ele estava com o seu jornal impresso ele ficou calado. Isso sem falar” Há vc já Criou a Associação dos assaltado de Paraupebas ? “.

  14. Hiroshi Bogéa

    19 de março de 2008 - 11:56 - 11:56
    Reply

    Caro Valter, conheço sim, a política de Parauapebas. O dia a dia. E nao me referi ao conjunto da sociedade, mas apenas a atuação da deputada federal que chegou aí muito bem antes de você.
    Ela é do tempo em que as senhoras do lugar, incentivadas pela atual parlamentar, saiam plantando mudas de árvores pela cidade, ao lado dela, quando a vila pertencia ao município de Marabá.
    A Bel tem história feita, construída nessa belíssima terra desde os tempos em que o “Inferinho” do Rio Verde era o point do lugarejo.
    Além do mais, uma coisa ela tem que os outros políticos nao revelaram ainda: criatividade e visão universal dos problemas do município.
    Tenha fairplay rapaz, fairplay. Só isso, tá bom?
    Um abraço.

  15. Blog do Valter

    19 de março de 2008 - 01:05 - 1:05
    Reply

    Eu lamento que o amigo por não ter acompanhado de perto a política de Parauapebas se refira a Deputada Bel como se fosse a única responsável pelo progresso do municípío, desconhecendo assim, o potencial do mesmo e da classe empresarial que é a verdadeira responsável pelo crescimento e desenvolvimento não só de Parauapebas, mas de qualquer cidade do Brasil e do mundo, porque se depender de políticos, nenhuma cidade se desenvolve.Quanto ao amigo dizer que a “eminência parda” Bel Mesquita gosta de andar a pé nas casas do povo, realmente o amigo demonstra não conhecer a “ilustre Deputada”, porque ela só anda nas casas e nas ruas de Parauapebas, assim como os demais políticos, somente em época de eleição.

  16. Anonymous

    18 de março de 2008 - 22:28 - 22:28
    Reply

    “Hernandes Margalho, João Fontana e claro, o mentor de tudo, “Tio” Eduardo Gomes. O erro do prefeito foi ter confiado seu prestígio político, sua vida e sua honra a pessoas que não tinham e não tem nenhum compromisso com Darci e com o PT.”
    Assumindo Bel Mesquita, vc acha que mudará muito o comprometimento dos asseclas ? Welney Lopes, Wellington Valente, Pereira e outros tantos são muito diferentes dos “tios” do PT? Será que agora com a experiência de Brasilia, Bel abrirá seu governo para pessoas com o objetivo de ajudar o município? Será? Este filme eu já vi e não gostei!!

  17. Francisca

    18 de março de 2008 - 22:04 - 22:04
    Reply

    Isso é tudo que Parauapebas precisa!!
    A força feminina está de volta.
    Sabemos que não será fácil a vitória da Bel, pois ela vai lutar contra a máquina administrativa… MUITOS MILHÕES GUARDADOS PELO DARCI NESSES 3 ANOS…mas que ela vai ganhar isso não temos dúvida.
    Venha Belzinha… estamos sentindo sua falta, Parauapebas te espera de braços abertos;

  18. Anonymous

    18 de março de 2008 - 19:59 - 19:59
    Reply

    Darci-PT morre de medo da candidatura de Bel Mesquita. Tanto é verdade que a militância petista, o que sobrou dela, espalha aos quatros cantos da cidade que Bel não virá. Tudo por medo do confronto.

    Darci-PT tropeça em suas próprias pernas, pois todo seu problemas derivam de sua assessoria mais próxima, pessoas como Hernandes Margalho, João Fontana e claro, o mentor de tudo, “Tio” Eduardo Gomes. O erro do prefeito foi ter confiado seu prestígio político, sua vida e sua honra a pessoas que não tinham e não tem nenhum compromisso com Darci e com o PT. Pessoas essas que querem apenas a grana do povo do “Pebinha” e “bye bye”.

    Tivéssemos Ministério Público, Polícia, Judiciário sérios e independentes as coisas estariam feias para o lado do procurador, secretários e vereadores de Parauapebas.

  19. Cris Moreno

    18 de março de 2008 - 19:05 - 19:05
    Reply

    e feliz tô esperando…lá,lá,lá

    Legal.

    Estou arrumando a casa.

    Beijinhos, menino.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *