Eduardo Abdelnor, nosso cineasta

Publicado em 13 de dezembro de 2010

A propósito da programação cultura de resgate dos talentos paraenses, anunciada para esta segunda-feira, em Belém, Plínio Pinheiro Neto, colaborador deste blog, lembra o trabalho do marabaense Eduardo Abdelnor a favor do cinema e do teatro:

Sem nenhum bairrismo, espero que o nosso conterrâneo Eduardo Abdelnor seja lembrado nesta série, pois foi professor da Escola de Teatro e festejado e competente ator, com magnifica participação em várias peças e na série de filmes do diretor Líbero Luxardo, entre eles, “Marajó-Barreira do Mar”, “Marabá-Um diamante e cinco balas” e “Um dia qualquer”.Aqui em Marabá, transformaram o Cine Marrocos em teatro e poderiam muito bem ter lembrado de seu nome para homenageá-lo, pois faleceu precocemente alguns anos atrás e infelizmente não o fizeram.