Hiroshi Bogéa On line

Edmilson e Priante são campeões da rejeição em Belém

A segunda pesquisa do Instituto Veiga/Regnum sobre intenções de voto para Prefeito de Belém, revela ainda uma liderança do deputado Edmilson Rodrigues do PSOL com 33,27%.

A segunda posição apresenta um empate técnico, na margem do erro (3,16%) entre os candidatos Cássio Andrade e José Priante do MDB.

Dia 9 de outubro começa a propaganda eleitoral na televisão e no rádio o que, segundo especialistas em campanhas políticas, deve provar mudanças nas intenções dos eleitores, já que muitos passam a conhecer os candidatos menos famosos, como é o caso de Cássio Andrade e Vavá Martins.

 

Mas o que  sempre deve ser observado numa investigação de opinião é o índice de rejeição dos candidatos.

Esse índice é obtido quando o eleitor responde a seguinte pergunta: em qual candidato você NÃO votaria de jeito nenhum.

Neste caso, o ex-Prefeito Edmilson Rodrigues, que já foi rejeitado nas eleições para prefeito de 2012 e 2016, é o mais rejeitado pelo povo de Belém. Quase 31% do eleitorado não votaria no Edmilson de jeito nenhum.

Outro destacado na rejeição é o Deputado Federal José Priante, do MDB.

Priante tem 17,48% dos eleitores e eleitoras que não votam nele de forma alguma.

Tanto para Edmilson como para Priante esse é o grande desafio a ser vencido na campanha se querem ter chances de ir para o segundo turno do pleito.

A pesquisa está devidamente registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número: 05898/2020

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *