Hiroshi Bogéa On line

Duda Mendonça pautado

Desde quinta-feira, 23, em Marabá, Ricardo Brandt, repórter do Estadão, retorna hoje a São Paulo, depois de vasculhar documentos e fazendas compradas pelo banqueiro Daniel Dantas. Conversando há pouco com o poster, ele revelou ter indícios de investimentos do publicitário Duda Mendonça na compra de fazenda no Sul do Pará.

Será a próxima reportagem dele aqui.

Nas edições do Estadão de domingo e desta segunda, Ricardo faz novas revelações a respeito dos obscuros negócios do dono do Opportunity no Pará. A principal é a de que há mais gado nas fazendas do grupo do que dados registrados na Adepará.

“Em quatro das 27 propriedades sequestradas pela Justiça Federal nesta semana, o número de cabeças de boi em 2008 era 27% superior ao que consta em registro feito pela Agropecuária Santa Bárbara Xinguara, controlada por Dantas”- diz o repórter.

Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    29 de julho de 2009 - 01:45 - 1:45
    Reply

    Hiroshi.

    O Ricardo Brandt, ainda não chegou no nome do Lulinha, o cara que deixou de pegar cocô de animal no zoo de São Paulo, pra desfilar nos grandes tartersais de leilões de gados das maiores festas agropecuárias do sul e sudeste do Pará, Heim?????

    PETISTA DESILUDIDO.

  2. METRALHA

    28 de julho de 2009 - 18:50 - 18:50
    Reply

    OH HIROSHI PEDE PRA ESTE REPORTER INVESTIGAR QUEM COMPRAVA OS TAIS BOIS PARA DANIEL DANTAS OU QUE SEJA GRUPO SANTA BARBARA.

    TODOS SABEM. TEM COMO PRENOME "LINO".
    OUTROS COMPRADORES TAMBEM ESTAVAM FAZENDO O PAPEL DE LARANJAS.

    BASTA SAIR UM POUQUINHO NOS POSTOS DE COMBUSTIVEIS DE MARABÁ E REGIÃO SUL DO PARÁ ONDE TEM ESTES ESCRITORIOS.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *