Dilma Roussef entrega prêmio ao juiz Jônatas Andrade

Publicado em 18 de dezembro de 2012

 

 

Agraciado com o Prêmio Direitos Humanos 2012, o juiz titular da 2a. Vara do Trabalho de Marabá, Jônatas Andrade, recebeu comenda e o título em solenidade ocorrida no Palácio do Itamaraty, em Brasília, entregue pela presidente Dilma Roussef.

Outorga do certificado é dada, anualmente, pela  Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, a quem contribui para a ampliação da sensibilidade da sociedade brasileira sobre a necessidade do respeito aos Direitos Humanos.

Jônatas conquistou o prêmio na Categoria Erradicação do Trabalho Escravo.

Com fotos de autoria de Janaína Andrade,  esposa do homenageado, momentos da entrega do prêmio ao respeitado juiz marabaense.

 

Presidente Dilma Roussef entrega comenda a Jônatas Andrade
Presidente Dilma Roussef entrega comenda a Jônatas Andrade

 

Também agraciado, o jornalista Tim Lopes foi premiado “in memorian”, na categoria mídia. O repórter da TV Globo foi assassinado há dez anos quando fazia uma reportagem sobre abuso de menores e tráfico de drogas. Tânia Lopes, irmã do jornalista Tim Lopes,  assassinado no Rio de Janeiro, ao lado de Jônatas.
Tânia Lopes, irmã do jornalista Tim Lopes, assassinado no Rio de Janeiro, ao lado de Jônatas.

Prêmio DDHH 031