Hiroshi Bogéa On line

Devolução do cargo

Consultada sobre a questão das nomeações, a DS enviou ao blog a seguinte explicação:

A tendência petista Democracia Socialista, cujo maior expoente em Marabá é Ademir Martins vinha defendendo a nomeação de Demerval Bento da Silva, funcionário da FUNASA e Presidente do Conselho Municipal de Saúde, para a Direção do Centro regional de Saúde, sediado em Marabá. Para surpresa geral, nesta data, 16 de fevereiro de 2007, foi publicada a Portaria n. 1.086/2007-CCG, de 15 de fevereiro de 2007, em que o Chefe da Casa Civil da Governadoria do Estado, Charles Johnson da Silva Alcântara nomeia o médico anestesista, Ademir Soares Viana, genro do Deputado Federal Asdrúbal Bentes, para o cargo de Direitor do Centro Regional. Para completar, o Chefe da Casa Civil também nomeou Demerval Bento da Silva para o cargo de Chefe da Divisão Técnica (Portaria n. 1219/2007) e Siomene Abussafi Miranda, filha da ex-deputada Elza Miranda, para o cargo de Chefe da Divisão Administrativa de Centro Regional.

A notícia caiu como uma bomba nas hotes petistas da DS (Democracia Socialista). Imediatamente, membros desta corrente petista, reuniram-se nesta sexta-feira, 16/02, e deliberaram que Demerval deveria declinar da nomeação, pois seria impossível o convívio com Simone Abussafi Miranda, oriunda da Administração anterior e representante do PSDB local. E mais: essa nomeação significaria aliança entre o PMDB local e a ex-deputada Elza Miranda, com objetivo de abiscoitar a Prefeitura de Marabá em 2008.

Para Demerval e seus companheiros, a atitude de declinar da nomeação, não significa rompimento com o governo do estado e seu aliado, o PMDB, mas uma posição firme contra o oportunismo de gente que quer a qualquer custo manter o seu poderio e sua influência maléfica no Governo do Estado. Segundo Demerval, a atitude revela, antes de tudo, a defesa do governo “que ajudamos a eleger” e suas idéias de mudanças, estas ameaçadas pela adesão de última hora de gente ligada ao passado.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *