Devo, não nego; pago quando quiser…

Publicado em 30 de janeiro de 2012

 

 

A Vale consegue sempre liminar. E, com isso,  vai escapando de seus aperreios tributários com a Nação.

A mineradora acaba de informar que obteve na Justiça liminar que reverteu os efeitos dos despachos desfavoráveis relacionados à tributação sobre lucros no exterior, objeto de divulgação pública pela Vale em 25 de janeiro de 2012. “Em consequência, diz nota,  tais processos retornarão ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF) para julgamento. Não há prazo determinado para o encerramento da discussão na esfera administrativa”.