Hiroshi Bogéa On line

Devo, não nego; pago, quando quiser

 

 

Com a Vale é assim: dívidas tributárias serão sanadas quando, no horizonte, suas intenções se perderem de vista.

Pelo menos é o que a mineradora explicita em Nota Pública divulgada nos veículos de comunicação do país.

Deem uma olhada:

 

Vale informa sobre pendências tributárias

A Vale informa que recebeu cobrança referente a uma parte do auto de infração relativo aos anos 1996-2002, em que discute a incidência de contribuição social sobre o lucro líquido e imposto de renda sobre lucros de controladas e coligadas no exterior, descritos no item 4.3 do Formulário de Referência. A Vale apresentou medida judicial para garantir a continuidade da discussão na esfera administrativa, mas não obteve decisão favorável.

A Vale apresentará os recursos cabíveis e oferecerá bens em garantia no valor de R$ 1,6 bilhão para discussão dos débitos no Judiciário. A Vale adotará todas as medidas para assegurar seu direito de defesa e contestará esta cobrança que considera indevida.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *