Desventuras descomunais

Publicado em 8 de setembro de 2007

Sério. Insuportável. Desagregador. Improdutivo. Deprimente.
Adjetivos marginais e denominações outras de pocilga -, se forem usadas, é pouco para ilustrar o clima na 11a Regional de Proteção Social, com sede em Marabá. Não existe mais nenhum tipo de relacionamento do diretor geral, Ademir Viana, com os diretores indicados pelo PT, Eva Abreu e Demerval Silva.
Pra chegar na sentina, não falta mais nada. A fedentina é generalizada.