Hiroshi Bogéa On line

Desassossego geral

O fechamento da Estrada do Rio Preto, ligando Marabá à rica região produtora agrícola e de gado do município, e por onde trafegam diariamente caminhões da Buritirama transportando manganês, pode causar transtornos de toda ordem numa região já deflagrada por questões de ordem ambiental e conflitos agrários. A interdição da rodovia é um protesto de comerciantes, madeireiros e populares de diversas vilas, contra o fechamento , pelo Ibama, de quinze serrarias.
Está ficando cada vez mais difícil pacificar o Sul do Pará. A cada semana, um novo conflito.

Post de 

2 Comentários

  1. Hiroshi Bogéa

    13 de novembro de 2007 - 11:31 - 11:31
    Reply

    Anonimo 6:08 PM, particularmente, conheço esse cenário devastador da região do Rio Preto. Tem que dar um freio, sim, na destruição. Ou joga tudo agora ou afrouxa. E a esculhambação nunca terá fim.

  2. Anonymous

    12 de novembro de 2007 - 21:08 - 21:08
    Reply

    hiroshi eu estive nesta operação onde foram fechadas estas serrarias no qual todas estão trabalhando irregularmente não possuindo autorização para funcionamento, outras estão extraindo toras de castanha o que é proibido por lei. o que mais me preocupou nesta operação foi ver os funcionarios destas serrarias trabalhando sem qualquer segurança e nem carteira assinada. em uma serraria conversando com funcionarios que trabalham na carvoaria deu para notar até casos de trabalho escravo pois os mesmos trabalham apenas para pagar o rancho que´e dado pelo patrão. de tudo isto será fito um relatório no qual serão encaminhados para as autoridades competentes para providencias que se fazem necessárias.um abraço

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *