Hiroshi Bogéa On line

Deputados ausentes do seminário sobre a Alpa

João Salame foi o único deputado estadual de Marabá participante do seminário realizado pela Câmara Municipal, nesta terça-feira, 8, promovido para debater o futuro da Alpa. Apesar de ter participado de entrevista ao vivo, bem cedinho, na TV Liberal, Salame ainda encontrou tempo para chegar a Marabá antes da abertura do seminário, que contou com a participação dos presidentes da Alpa, José Carlos, e da Sinobrás, Ian Correa; além dos deputados federais Wandenkolk Gonçalves (PSDB) e Asdrubal Bentes (PMDB).

O parlamentar estadual do PPS alugou uma aeronave para nao perder o encontro.

Tião Miranda (PTB) e Bernadete ten Caten não deram as caras.

A propósito, o poster fez entrevista com João Salame abordando o plebiscito sobre a divisão do Pará e as eleições de Marabá.

Ainda esta semana será publicada.

Post de 

24 Comentários

  1. Anônimo

    15 de novembro de 2011 - 16:52 - 16:52
    Reply

    Acho injusta alguns comentários sobre a Dep. Bernadete é uma das mais atuantes e competente.Bernadete neste periodo estava realizando trabalho de grande vália, percorrendo cincoenta municipios, colhendo assinaturas sobre a lei kandir e rede celpa que tanto vem prejudicando nosso povo e em todos estes eventos é defendido o estado de Carajás e tapajós.quanto necesário debate com muita propriedade em qualquer lugar do mundo.acredite

  2. anonimo

    10 de novembro de 2011 - 20:52 - 20:52
    Reply

    Hiroshi infelizmente quando lemos o seu blog ou outros encontramos verdadeiros disparates na lingua portuguesa que fazem ate o Camões pedir para ir para o inferno .
    Mas infelizmente as pessoas que o fazem não são totalmente culpadas pois foi o que aprenderam nas escolas do Estado que ocupa ultimas posições do ensino no Brasil, pois seus professores (rede particular e Publica) não tem nenhum compromisso ou responsabilidade , a não ser defender unica e somente seus interesses.

  3. Hiroshi Bogéa

    10 de novembro de 2011 - 13:31 - 13:31
    Reply

    “Aprovado”, faz assim: queres vir defender o teu político de coração, pode fazê-lo, mas antes procura escrever pelo menos cinco palavras corretamente. Do jeito que mandantes, o “puxa-puxa” não dá para sair. É uma desqualificação de linguagem que depõe contra o blog. Até meu nome escrevestes errado, não obstante a grafia estampada na logomarca do site. Teu comentário está vetado.

  4. Januário

    10 de novembro de 2011 - 09:55 - 9:55
    Reply

    Vai mudar o que se deputado X ou Y aparecer?

    Não muda nada! Aliás mudava se os tais deputados ausentes viesse questionar o Governo do Estado pela desapropriação com dinheiro público de área para Vale; Sobre as condicionantes que a Vale não está cumprindo; Sobre o desastre ambiental que a tal Alpa vai cuasar; E tantos outros problemas que este empreendimento vai trazer como consequencia maléfica.

    nenhum deles tem coragem de fazer isso!

  5. Anonimo

    10 de novembro de 2011 - 08:35 - 8:35
    Reply

    Gilberto concordo com você, e preciso que haja uma mobilização urgente de todos: políticos, empresários, associações em geral para pressionarmos a vale e cobramos da presidente Dilma promessas feitas por ela e Lula, em palanque erguido dentro da área desapropriada para construção da Alpa; Será que mas uma vez vamos ser desrespeitados e feitos de palhaço?
    Por favor, lidere este movimento já que você tem conhecimento de como fazer, pois foi presidente da ACIM, depois divulgue nos blogs para que todos possam ajudar de alguma forma.

  6. Bressan

    10 de novembro de 2011 - 07:46 - 7:46
    Reply

    Caro Hiroschi, registrei no Cerimonial da Câmara a minha presença como Presidente do do PT e Assessor representando o Deputado Zé Geraldo e Dep. Bernadete Ten Caten. No entanto, a presidência da mensa não mencionou em nenhum momento. Deve ser por esquecimento, pois registrou ou chamou para galeria de honra centenas de outras lideranças e representantes de entidades. OK.

    Estava disposto a fazer uma fala expressando a posição dos deputados. No no entanto foi priorizado os palamentares, vereadores presentes que desenvolveram longos discursos, muitos deles incendiários e com poucas propostas. Não houve participação efetiva do público do auditório. Pensamos que a comunidade deveria ser mais ouvida nas audiências públicas. Discursos prolongados esvaziaram o auditório. Mesmo assim consideramos importante o debate e a união de esforços para garantir a Alpa, hidrovia e o porto de Marabá.

    Renovamos o empenho e compromisso de Berndadete e Zé Geraldo na defesa da implantação da Alpa, hidrovia e demais projetos que visam o desenvolvimento de nossa região e a melhoria da vida do povo. Não tenham dúvida disso. Os projetos ora em discussão foram defendidos pelos governos coordenados pelo PT a nível nacional e estadual. Fazem parte de um projeto de Governo iniciado pelo Presidente Lula e que vai ser executado no governo da Presiente Dilama. O PT e seus deputados destacam que é preocupante e causa estranheza a ausência do Governo do Simão Jatene no debate. Isto sim é que deve ser questionado profundamente, pois parece haver uma falta de interesse político em fortalecer os projetos de desenvolvimento na região do Carajás. Já seria um retalhamento ao futuro Estado do Carajás? 77 neles.

  7. A Força do SIM...

    9 de novembro de 2011 - 18:22 - 18:22
    Reply

    Amigo marabaense quer saber
    novembro 9th, 2011 at 16:33

    Quer saber de tudo? Adota este blog, filho!

    Parabéns, Hiroshi!

  8. Donner

    9 de novembro de 2011 - 16:57 - 16:57
    Reply

    Olá, concordo em genêro, número e grau com o Gilberto Leito essa é a minha opinião também sobre a ALPA e duplicação da ferrovia.

  9. amigo marabaense quer saber

    9 de novembro de 2011 - 16:33 - 16:33
    Reply

    Sim minino, e como foi esse encontro, o que disseram os camaradas da vale????

    • Hiroshi Bogéa

      9 de novembro de 2011 - 16:35 - 16:35
      Reply

      Foi dito o que já havia sido publicado aqui no blog, na entrevista com o José Carlos, presidente da Alpa. Não mudou uma vírgula. Abs

  10. Gilberto Leite

    9 de novembro de 2011 - 15:58 - 15:58
    Reply

    Alpa já esta enchendo, ou a sociedade se mobiliza novamente e passe a cobrar de todos os compromissos assumidos por Vale, Governo Federal, Estadual , Municipal e a Justica, através de uma nova Agenda Positiva ou corremos o risco deste projeto ser postergado automaticamente, concretamente deveremos reagir e cobrar efetivamente dos comprometidos neste empreendimento para que AMANHA nao sejamos cobrado de omissão . A verticalizacao mineral me parece o único caminho a ser seguido para que possamos dar uma resposta efetiva a este passivo social. Deveremos lutar intensamente para a ferrovia nao ser duplicada pois ela representa um aumento substancial na exportação de minério bruto que meu ver ira prejudicar ainda mais nosso projeto para implantação da ALPA. Gilberto Leite Ex Presidente da ACIM

  11. anonimo

    9 de novembro de 2011 - 14:59 - 14:59
    Reply

    O Tião não foi porque estava ocupado com a sua trupe arquitetando maquiavelicamente como torpedear mais o prefeito Maurino para que sua ideia de quanto pior para Maraba melhor sera para ele.

  12. ANdre

    9 de novembro de 2011 - 14:36 - 14:36
    Reply

    Hiroshi,
    Tiao Miranda nao ta interessado no estado de Carajas sair. O unico interesse dele é em se reeleger com apoio do Almir Gabriel e ficar na senzala de Marabá. Bernadete que é a favor parece que ta com medo.
    Boa Tarde

  13. Anônimo

    9 de novembro de 2011 - 14:11 - 14:11
    Reply

    Parabéns ao deputado João Salame que, ao menos, demonstra interesse pelas coisas da região.

  14. carajás

    9 de novembro de 2011 - 11:37 - 11:37
    Reply

    Falando em João Salame, sua participação no programa da TV Libertal foi destaque novamente. O defensor do SIM, no entanto, deveria focar mais nas oportunidades que a emancipação vai proporcionar, como o número expressivo de empregos que serão gerados e que poderão absorver o grande número de universitários que estão se formando, ao mesmo tempo em que o Estado do Pará continua impedido de fazer contratações. Jovens se formando querem empregos. A criação dos dois estados é, sem dúvida o maior projeto de desenvolvimento pensado para estes tempos tão difíceis para a juventude da Amazônia.
    Parabéns, João
    Agenor Garcia
    jornalista

  15. .........

    9 de novembro de 2011 - 11:13 - 11:13
    Reply

    E o Dep. Macarrão compareceu?

  16. A Força do SIM...

    9 de novembro de 2011 - 11:04 - 11:04
    Reply

    Hiroshi, o Deputado João Salame é um cara atuante, ele tem tino pro parlamento, ele gosta de trabalhar, gosta de fazer isso, ele se dispõe a isso de verdade, além de ser um cara que tem vontade de mudar a vida dessa gente da região dele. Ele é um parlamentar nato, não procurou se elegeu simplesmente para ter im(p)unidade contra prováveis processos e distribuir cargos e assessorias para correligionários. A Deputada Bernadeth não se fala, ela não significa absolutamente nada, nunca teve peso no parlamento, nem no governo da ex-governadora Ana Júlia, companheira dela, imagina agora. Infelizmente você, melhor que eu, sabe muito bem disso, não era de se estranhar essas ausências, pois o outro deputado é inclusive, veladamente, contra a criação do estado de Carajás, o que não seria nenhum demérito se isso não fosse velado, pois o cara vai ao palanque se dizer a favor só em função das próximas eleições à sucessão local. É muito lamentável.

  17. Anônimo

    9 de novembro de 2011 - 10:40 - 10:40
    Reply

    O Tião Miranda é nulo como Deputado. Essas atitudes dele só corroboram a certeza que tenho que ele só se preocupa com seu umbigo, Marabá pra ele é só um meio para chegar a um fim.

  18. 100% Guerreiro

    9 de novembro de 2011 - 10:37 - 10:37
    Reply

    O Tião Miranda avisou que não poderia participar do seminário, pois estaria em Belém. Não sei, se foi esse também, o motivo da ausência da Deputada Bernadete.

  19. Atila

    9 de novembro de 2011 - 09:08 - 9:08
    Reply

    Bom dia Hiroshi, envie fotos da manifestação de pais, alunos e professores da Escola Estadual Albertina Barreiros em Itupiranga.
    Por incrivel que pareça a grande maioria dos professores que aparecem nas fotos apoiaram e votoram no governo Jatene, é! parece que ja estão arependidos.

  20. Chagas Filho

    9 de novembro de 2011 - 09:01 - 9:01
    Reply

    Conserta o partido do Asdrúbal aí.
    Abraço

  21. Anonimo

    9 de novembro de 2011 - 08:48 - 8:48
    Reply

    Parabéns! Deputado João Salame, pelo exemplo de como um deputado deve agir para defender os interesses de quem o elegeu. O mesmo não pode ser dito do Deputado e futuro candidato ao cargo de prefeito, Tião Miranda, já que este nada tem feito em relação à Alpa e muito menos a Div.do Estado.
    Acredito sinceramente que o senhor Tião Miranda, deveria devolver aos cofres públicos o dinheiro do seu salário já que não trabalha, portanto não deveria receber.
    Por favor, queira desconsiderar o que foi dito, caso tenha algum argumento que me convença do contrário.

  22. casemiro

    9 de novembro de 2011 - 01:16 - 1:16
    Reply

    Boa noite Hiroshi, está aparecendo em vários blogs da região que foi publicada uma pesquisa encomendada pelo jornal liberal ao ibope, que afirma que 56% dos eleitores paraenses são a favor da emancipação. Você tem conhecimento se a notícia é verdadeira? Obrigado

    • Hiroshi Bogéa

      9 de novembro de 2011 - 16:30 - 16:30
      Reply

      Não, desconheço a pesquisa, Casemiro.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *