Deputado Wandenkolk é chamado de “leviano”

Publicado em 10 de junho de 2014

 

 

 

Ex-governadora Ana Júlia publicou nota esclarecendo os motivos da audiência solicitada ao governador Simão Jatene, da qual participaram ela, o prefeito de Soure, ex-deputado Paulo Rocha e Beto Faro, solicitando segurança na região da Ilha do Marajó.

No comunicado, Ana condena o uso “de forma leviana pelo deputado Wandenkolk Gonçalves (PSDB) para fazer ilações sobre os reais motivos” do encontro.

A seguir, nota da ex-governadora e a foto do encontro, também enviada por ela:

 

No domingo, 08/06/2014, eu junto com outras lideranças do PT, PauloPaulo RochaBeto Faro, o prefeito de Soure, João Luiz, o Vereador Nick, o presidente do PT, Dep. Milton Zimmer, e mais o Secret. Saúde do município, com mais 2 pessoas, Vera Paoloni. E Shirley. Fomos na casa do Governador Jatene solicitar segurança para o município de Soure depois de vários atos de violência e vandalismo acontecidos na sexta-feira, que aterrorizaram a população da cidade, e ameaçaram a democracia e os poderes constituídos.
Lamento que esta foto tenha sido usada de forma leviana pelo Deputado Wandenkolk Gonçalves para fazer ilações sobre os reais motivos daquela reunião. 
É papel de líderes políticos como nós, solicitarmos ao Governador do Estado, responsável pela segurança pública, a garantia da vida e da normalidade democrática no município de Soure. 
Aliás este foi o compromisso do Governador Jatene: Garantir a segurança e a paz ao povo de Soure, no nosso querido Marajó!

Jatene e PT