Hiroshi Bogéa On line

De calças curtas

O time comandado pelo prefeito de Paragominas (amanhã, o post publica no Diário do Pará nota do alcaide contestando críticas do colunista) foi flagrado escondendo madeira ilegal. Mais do que depressa tratou de reunir a tchurma em seu gabinete para mandar um recado subreptício de que se a Operação Arco de Fogo não maneirar “seus atos”, a cidade pode pegar fogo. Como ocorrera em Tailândia.

Adnam Demachki, que diz em nota enviada ao poster não ser madeireiro, mas contador (de causos? ) quer mesmo é ganhar tempo para os maiores predadores do Pará, localizados em Paragominas, safar madeiras ilegais estocadas em pátios de serrarias e em áreas devastadas no que restou de mata naquele município.

Pau neles, Arco de Fogo!

Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    11 de abril de 2008 - 12:17 - 12:17
    Reply

    E a mãe de todos os predadores atende pelo nome de Sidney Rosa. mentor de Adnan, o tucano Sidiney é apontado em Paragominas como o maior devorador de florestas do mundo. O homem além de ex-prefeito pelo PSDB é ainda suplente de Senador pelo também PSDB. E foi essa turma que teve a cara de pau de propor que Paragominas recebesse um selo de “Municipio Verde” e o coitado do Secretário Estadual de Meio Ambiente caiu na armadilha.

  2. Diógenes Brandão

    10 de abril de 2008 - 16:58 - 16:58
    Reply

    Caiu o Chefe da Casa Civil !

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *