Hiroshi Bogéa On line

Datafolha: maioria dos eleitores de Dilma está no Sudeste

 

images-cms-image-000359915

Pesquisa do Instituto Datafolha indicou que uma provável reeleição da presidente Dilma Rousseff será dada por eleitores brasileiros que moram em sua maioria na região Sudeste, em municípios com menos de 50 mil habitantes. Eles têm entre 25 e 34 anos, possuem ensino médio e renda familiar mensal de até R$ 1.448. Este é o perfil da maioria dos eleitores brasileiros que irão às urnas em outubro.

Segundo a sondagem, Dilma é a única cuja maioria absoluta de seus eleitores, 51%, têm renda familiar mensal de até R$ 1.448, o recorte mais baixo da estratificação e o grupo mais numeroso da população. O número é mais do que suficiente para dar a vitória à petista no primeiro turno.

Outra marca forte dos dilmistas é a baixa escolaridade: 44% deles têm ensino fundamental, 44% têm ensino médio, índices próximos do padrão mais frequente na população.

Em relação aos adversários, o Datafolha indicou que quase 30% dos eleitores de Marina Silva (PSB) têm ensino superior; e o contingente mais numeroso de seus adeptos está em cidades grandes, com mais de 500 mil habitantes.

Já os eleitores de Aécio Neves (PSDB) destacam-se pela alta concentração no Sudeste (57%) e pelos perfis mais abastados, o que sugere uma possível repetição das divisões de classe dos pleitos de 2006 e 2010. No grupo dos que votariam no governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), também despontam moradores do Nordeste, mas de cidades médias, de 50 a 200 mil habitantes.

Matéria completa da Folha  A Q U I

 

Post de 

5 Comentários

  1. Luis Sergio Anders Cavalcante

    7 de março de 2014 - 02:09 - 2:09
    Reply

    Hiro, faço o “mea culpa” : Ao ler o texto confundí “Sudeste” com Nordeste. Em 07.03.14, Mba.-PA.

    • Hiroshi Bogéa

      7 de março de 2014 - 07:58 - 7:58
      Reply

      Sem problema, Anders. Isso acontece, às vezes. O que importa é a qualidade de seus comentários. Abs

  2. Luis Sergio Anders Cavalcante

    3 de março de 2014 - 09:00 - 9:00
    Reply

    Hiro, a constatação da localização da maior parte do eleitorado de Dilma está perfeita e corretamente colocada. É onde os Bolsas-Família da vida fazem sucesso. Onde o assistencialismo explícito grassa com sucesso. Já disse uma vez e repito, o povo precisa é de emprego(trabalho) e não de esmolas. O trabalho é que dignifica, honra e aumenta a autoestima do ser humano. O poder pagar suas contas com o suor do seu trabalho não tem preço. Em 03.03.14, Mba.-PA.

    • Djalma Guerra

      4 de março de 2014 - 18:54 - 18:54
      Reply

      Acho que o sr. Anders está equivocado pois o maior publico do bolsa família esta no Norte e Nordeste onde a pobresa é mais acentuada.

      • Hiroshi Bogéa

        4 de março de 2014 - 21:31 - 21:31
        Reply

        Corretíssimo, Djalma. O comentário do Anders está carregado de equívocos. Distribuição mais expressiva de BF é no NE e N. Abs

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *