Dados mostram queda de contágio em todas as regiões do Pará

Publicado em 25 de junho de 2021

O governo do Pará anunciou na noite desta quinta-feira, 24, que manterá o bandeiramento amarelo (considerado de risco intermediário) em todas as regiões do Estado. Em um vídeo, após a reunião do Comitê Científico da Secretaria de Estado da Saúde (Sespa), com técnicos da Ufra, o governador disse que os números de contágio e morte – mas, principalmente, de ocupação de leitos – permitiram isso.

O governo do Pará anunciou na noite desta quinta-feira, 24, que manterá o bandeiramento amarelo (considerado de risco intermediário) em todas as regiões do Estado. Em um vídeo, após a reunião do Comitê Científico da Secretaria de Estado da Saúde (Sespa), com técnicos da Ufra, o governador disse que os números de contágio e morte – mas, principalmente, de ocupação de leitos – permitiram isso.

Helder destacou também “que a todos os gráficos, dados e informações demonstram que todas as regiões do Estado estão com uma queda acentuada no nível de contágio e, principalmente, nas demandas por leito”. Segundo o chefe do Executivo, essa queda se dá pela eficácia da vacinação.

“Quanto mais gente sendo vacinada, melhor a situação, menos gente precisando de leitos”, disse, ressaltando que o momento é de prevenção, com a necessidade de a população que tomou a primeira dose tomar a segunda e continuar usando máscara.

A manutenção do bandeiramento amarelo, segundo Helder, é uma decisão “conservadora”, mas necessária, “para se preservar a vida e darmos passos seguros para garantir que a população possa ter toda a proteção necessária. Por isso que vamos manter (o bandeiramento) em um estágio de risco intermediário”.

Segundo o governador, apenas com o avanço da vacina, com o aumento da imunização com a segunda dose, será possível melhorar o cenário do bandeiramento.