Hiroshi Bogéa On line

Covid-19 mata ex-vice-governador do Pará Gerson Peres

Ex-deputado e ex-vice-governador do Pará, Gerson Peres morreu na manhã de hoje em Belém.

Ele havia recebido o diagnóstico de covid-19 e estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital particular de Belém há cerca de uma semana.

O ex-deputado tinha 88 anos.

O político além de ter a idade avançada era hipertenso, o que pode ter contribuído para o agravamento da doença.

Nas redes sociais, o governador do Pará, Helder Barbalho, lamentou a morte de Peres.

“É com pesar que recebo a notícia de falecimento do querido Gerson Peres, importante liderança política que deixou uma grande contribuição para o desenvolvimento do nosso Estado”, escreveu.

Em nota, a CNI (Confederação Nacional da Indústria) disse lamentar profundamente o falecimento de Peres, que também era ex-diretor regional do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) no Pará.

“Peres teve a longa e profícua trajetória de homem público ligada ao desenvolvimento da indústria brasileira e ao fortalecimento da educação profissional. Neste momento de pesar, os pensamentos daqueles que fazem a indústria nacional se voltam para a família e os amigos de Peres, na intenção de que encontrem conforto no legado desse importante paraense, que muito fará falta a seu estado e ao Brasil”, diz o texto.

 

Post de 

1 Comentário

  1. Agenor Garcia

    21 de abril de 2020 - 16:44 - 16:44
    Reply

    Caro Hiroshi

    Li a respeito da morte de Gersem viagem
    on Peres. Conheci o politico e o professor do Senai. Tenho uma incrivel passagem com o politico. Miguelito presidente do PP em Maraba recebeu de Peres um pedido para acompanha-lo em viagem pela regiao. Nao podendo viajar encarregou-me de acompnhar Peres
    E la fomos nos. De aviao pousamos em varios municipios. Em Bannak aconteceu que o capô do aviao se abriu e obrigou o piloto a aterrisar numa fazenda. Com o capô tampando o parabrisas o susto foi enorme. Gerson Peres rezou pedindo a Deus para escapar. Eu fiquei mudo. O piloto aterrisou arrumou tudo e viemos embora. Toda vez que nós nos encontrávamos depois ele se lembrava bem humorado do perigo
    Que havíamos passados juntos naaquele dia.
    Que Deus o tenha.
    Abracos
    Agenor Garcia

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *