Contraponto Global

Publicado em 2 de outubro de 2009

Não será surpresa para o poster se, nas próximas horas, a Rede Globo engatar uma “reportagem especial” sobre Parauapebas – preferencialmente daquelas matérias mostrando as desigualdades sociais de um lugar que recebe volumosos recursos da Vale.

A suspeita?

O repórter Tonico Ferreira, hoje cuidando mais das pautas do Globo Repórter, encontra-se no pedaço. E foi visto subindo e descendo Carajás ao lado de gente da Vale.

A suspeita?

A Vale e a Globo tem uma “parceria” bem interessante quando os ventos começam a soprar contra os interesses da mineradora. E neste momento, em Brasília, mais precisamente de uns quinze dias para cá, o que têm de pressão saindo do Palácio do Planalto para que a Vale acerte o que deve aos municípios mineradores de royalties calculados a menos, não dá para mensurar.

Só pra se ter ideia de como os royalties devidos pela Vale estão incomodando o governo federal, até o Lula já se irritou com o calote. E deu murros na mesa.

Para a semana que vem, importantes reuniões estão marcadas em Brasília para tentar definir a questão.

Não chega em boa hora uma reportagem mostrando ao país o quanto os municípios sofrem suas demandas sociais, apesar dos recursos volumosos repassados a eles pela Vale?

A Vale joga assim, sim.

Usa todo o seu poder para explorar mais e pagar menos aos municípios de onde ela arranca suas riquezas.

Vamos aguardar.