Contra a divisão do Pará

Publicado em 24 de janeiro de 2011

Do advogado Plínio Pinheiro Neto, colaborador deste blog, comentando o post Amarrando em saco encauchado:

Sei que vou desagradar a muitos, porém, sempre fui contra a criação do novo Estado, pois conheço a história do Pará e tenho profundo orgulho de ter nascido nesta unidade da federação representada na bandeira nacional, pela estrela que brilha, sozinha, acima da frase “Ordem e Progresso”.
Os problemas que enfrentamos, não os enfrentamos por sermos paraenses ou por habitarmos o território do Pará e sim pela omissão de alguns representantes da classe política eleitos por nós ao longo do tempo e, também, por fazermos das eleições uma colcha de retalhos, elegendo ou votando (desperdiçando votos) em pessoas sem nenhum compromisso com o sul e sudeste do Pará, sendo inegável que Marabá, fora de dúvidas, é um dos Municipios que mais pulveriza os votos nas eleições para a Assembléia Legislativa e a Câmara Federal.
De que adianta criar um novo Estado se os políticos continuarão sendo os mesmos? Eles apenas serão promovidos a cargos que não tem condições de alcançar no contexto político paraense.Será que já pararam para analisar que nas últimas décadas os donos do poder tem impedido o surgimento de novas lideranças e que não temos peças de reposição para substituirmos os inoperantes (com rarissimas exceções)que aí estão?Do Pará recebemos a parte mais rica de seu território e queremos pagar com a separação?
No entanto há algo mais grave que vem sendo fomentado nas vielas escuras dos subalternos interesses eleitoreiros e que devemos combater vigorosamente, que é a idéia de criar novos Municípios a serem retirados do território marabaense.Estes novos Municipíos não tem nenhuma condição de sobrevivencia e serão meros penduricalhos de Marabá, de cuja infraestrutura se aproveitarão.
A criação só favorecerá aqueles que pretendem ser prefeitos, vices e vereadores, inclusive alguns que, ultimamente, tem visto os seus horizontes politicos de afunilarem cada vez mais em Marabá.É de se ressaltar que Morada Nova é bairro de Marabá e não Distrito, pois o perimetro urbano se estende até o igarapé Fleixeiras e bairro jamais poderá ser elevado à categoria de Municipio.Vamos cerrar fileiras contra este crime que se quer cometer contra Marabá.