Conta Elka, conta!

Publicado em 5 de fevereiro de 2011

Vereadora Elka Queiroz (PTB), lutando para não receber um gancho da Câmara Municipal de Marabá, começou a fazer terrorismo psicológico.

Está ameaçando contar tudo o que sabe sobre alugueis de carros de vereadores à prefeitura, uso indevido dos veículos alocados e um rosário de denúncias sobre catrapinagens de alguns de seus pares.

Pronto!

Seria excelente oportunidade para a vereadora recompor-se parcialmente com a população do município que a elegeu, se ela praticasse esse serviço de higienização moral.

Dar nomes aos bois, no mínimo, reduziria os pecados adâmicos cometidos pela parlamentar no exercício do mandato.

Por tabela, mostraria também se parte da atual Câmara de Marabá quer mesmo punir quem usa a função legislativa como fonte inspiradora de malefícios gerais.

Conta, Elka. Conta, querida!

Conta! Conta! Conta! Conta! Conta!