Hiroshi Bogéa On line

Combate às drogas é tema de curso em Belém

 

 

Acontecerá em Belém, entre os dias 18 e 22 deste mês, curso de atualização em gerenciamento de casos e reinserção social de usuários de crack e outras drogas das redes SUS (Sistema Único de Saúde) e SUAS (Sistema Único de Assistência Social), através de uma parceria entre Fundação de Atendimento Socio educativo do Pará (Fasepa) e Universidade Federal do Pará (UFPA).

85 vagas estão disponibilizadas, divididas entre as Unidades de Atendimento Socioeducativo (UASES) e a sede administrativa. O curso ocorrerá no horário de 13h às 19h, no auditório do Computer Store e, terá carga horária de 30 horas.

Post de 

2 Comentários

  1. Jorge Antony F. Siqueira

    17 de fevereiro de 2013 - 06:59 - 6:59
    Reply

    Isso é pura demagogia. O próprio SUS, a nível nacional, não tem estrutura – dinheiro tem – para atender aos milhares de usuarios de drogas. Nos hospitais públicos e redes conveniadas não há leitos para essa finalidade O tratamento envolve uma enorme e demorada gama de serviços. Além do quê, iniciativas de “levar a força” o usuario, como foi visto recentemente na TV, tem benefício mínimo e transitorio, pois logo em seguida o usuario estará de volta às ruas. Falta principalmente, vontade política para o devido enfrentamento do problema. Nossas fronteiras aí estão escancaradas constante e diariamente para o tráfico de drogas e armas. O contingente dos “drogados” só tende a aumentar, enquanto o Estado esboça tímidas reações. Será que a PF não sabe quem são e onde moram os que financiam os esquemas ? Beira-Mar(Fernandinho), Mendonça e outros, que são “operadores graduados” do tráfico de drogas/armas, hoje tem a tutela(segurança) do Estado e comandam de dentro das cadeias, ao seu bel prazer, facções com pomposas siglas. 17.02.13, Mba.-PA.

  2. Otasnes

    15 de fevereiro de 2013 - 12:41 - 12:41
    Reply

    Com o Governo Federal investindo menos de 20% do dinheiro do FUNDO DO COMBATE ANTI-DROGAS, as palestras não sairam de palestras!!!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *