Combate ao desmatamento no Pará segue firme com Operação Amazônia Viva

Mais uma etapa da chamada “Operação Amazônia Viva” está sendo desenvolvida nas regiões  Sudeste e Sudoeste do Pará, desde 9 de agosto.

Até agora, a operação resultou em destruição de acampamentos, apreensão de madeiras, maquinários e equipamentos, nos municípios  que mais desmatam no Pará.

As forças estaduais coordenadas pela  Semas (Secretaria de Meio Ambiente) atuam no sentido de  reduzir  a emissão de gases de efeito estufa no Pará, entre outras missões voltadas à preservação ambiental.

Até agora,com apoio de imagens de satélites fornecidas pela Semas,  os integrantes da equipe constataram 6.482 hectares de áreas desmatadas e apreenderam 771,9 metros cúbicos (m³) de madeira nativa em tora e 13,5 m³ serrada.

Os fiscais também destruíram quatro acampamentos, que serviam de base para as atividades ilícitas de exploração florestal.

Entre os maquinários e equipamentos apreendidos constam duas pás carregadeiras com garfos, um trator de pneu, dois tratores esteira, quatro caminhões, 17 motosserras, três contêineres com combustível de mil litros e 1.210 litros de combustível, um gerador, três correntões e três sopradores.

Os processos administrativos lavrados nesse período incluem 17 autos de infração, 19 termos de apreensão, oito termos de depósito, seis de embargo, e cinco de inutilização e destruição. (Fotos repdoução)