Hiroshi Bogéa On line

Comandando a matilha

O prefeito de Paragominas, Adnan  Demacki, agora vai ter que contar outra para esconder – o que sempre fez nos últimos anos  – a chaga do município ser um dos maiores destruidores de florestas da Amazônia. São de Paragominas, mais de 60% da lista com as empresas denunciadas pelo MPF ao pagamento de quase R$ 2 bilhões por crimes ambientais.

Tempos atrás, Adnam tentou desmentir o poster, através de carta enviada à coluna do Diário do Pará, apresentando números fictícios do desmatamento registrado no município. Quis tirar também a dele da reta ao negar seu envolvimento com os madeireiros do Nordeste do Estado, resignando-se – como bem o disse -, em exercer a profissão de Contabilista – e não de advogado dos agressores do Meio Ambiente.

Descobre-se, agora: um bom Contador… de causos.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *