Chamon paga abono de R$ 5 mil a professores

Publicado em 29 de dezembro de 2011

 

Poster vem há meses repercutindo a excelente gestão do prefeito Wenderson Chamon (PMDB), que transformou Curionópolis num canteiro de obras e restituiu o orgulho de sua comunidade, que andava bem pra baixo, nas últimas décadas.

Agora, no final de dezembro, Chamonsinho, como é conhecido na cidade, fechou seu terceiro ano de governo efetuando o pagamento de um abono de R$ 5 mil aos professores do munciípio, numa demonstração clara da responsabilidade do gestor em gerir com seriedade os recursos públicos, priorizando os recursos humanos de sua administração.

Quem nos conta a boa nova é o blog do Parsifal Pontes:

 

O município de Curionópolis, no Sul do Pará (famoso por ter sediado o maior garimpo a céu aberto do mundo, a “Serra Pelada”), tornou-se uma referência administrativa na microrregião de Parauapebas, desde que passou a ser administrado pelo prefeito Wenderson Chamon (PMDB).

Com um ambicioso programa de saneamento, executado com os próprios recursos da prefeitura, Chamon está mudando o perfil urbano da cidade.

Ao final deste 2011, Curionópolis foi uma das finalistas do “Prêmio Gestor Eficiente da Merenda Escolar”, conferido pela “Ação Fome Zero”, conforme as informações do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar), aos municípios que se destacam na gestão e na qualidade da merenda escolar.

Mas o que mais chamou atenção da microrregião de Parauapebas foi a reunião feita ontem, 23, com os professores da rede municipal de ensino de Curionópolis, ocasião em que o prefeito Chamon anunciou o pagamento de um abono de final de ano, aos docentes municipais, no valor de R$ 5 mil para cada um. O valor total do abono alcança R$ 1,2 milhão.

O valor do abono é inédito no Brasil.

Diante de professores que lotaram o teatro municipal, Chamonsinho anuncia abono de R$ 5 mil.