Hiroshi Bogéa On line

Cerca de 3 mil servidores militares e civis reforçarão Segurança Pública

Nesta segunda-feira, 21, 500 novos policiais civis, aprovados no último concurso do estado, participam da aula inaugural do curso de formação.

Além do concurso da Polícia Civil, o Governo do Pará também realizou outros dois processos seletivos na área da segurança pública: o da Polícia Militar, que está na fase de matrícula, com dois mil aprovados ao posto de praças em todo o Estado e 194 ao posto de oficiais, e o do Corpo de Bombeiros, com 277 novos militares, que já começarão a atuar a partir de setembro.

A aula inaugural que irá ocorrer no Hangar – Convenções e Feiras da Amazônia corresponde à segunda etapa do concurso para cargos de investigador, escrivão, delegado e papiloscopista policial, que foram aprovados na primeira etapa do certame e agora irão frequentar o Curso de Formação, que será realizado no Instituto de Ensino de Segurança do Pará (Iesp), em Marituba, e será coordenado pela Academia da Polícia Civil (Acadepol).

Inicialmente, foram convocados 500 candidatos para os cargos de escrivão, investigador e papiloscopista.

Em outubro, será a vez dos candidatos às 150 vagas dos cargos de delegado de Polícia iniciarem o período de matrículas. A previsão é de que as aulas terminem em dezembro deste ano para os candidatos aos cargos de escrivão, investigador e papiloscopista.

Já para os candidatos a delegado, a previsão de encerramento é para fevereiro de 2018.

As vagas ofertadas no último concurso da PM vão ser preenchidas com dois mil aprovados ao posto de praças em todo o Estado e 194 ao posto de oficiais.

Os candidatos aprovados iniciam o curso de formação em outubro deste ano.

A remuneração dos praças no Pará é de R$ 3.586,80, incluindo o auxílio alimentação, enquanto a remuneração dos oficiais para a patente ofertada é de R$ 6.531,31.

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *