Hiroshi Bogéa On line

Cara de Sol

Marabá amanheceu recebendo vento geral.

Dia excelente para subir pipa, curtir o empino de uma boa sacada de casa.

Desconsiderando uma ou outra chuva que ainda teima em permanecer sobre os ares regionais, já se sente o clima de verão.

Na beira-rio, o Tocantins deve estar povoado de gente ávida por sol e água.

 Sol à pino: tempo de meninos livres em praias

Post de 

3 Comentários

  1. Anonymous

    17 de maio de 2010 - 11:57 - 11:57
    Reply

    Aqui em Marabá dizemos empinar papagaio,esse negocio de soltar pipa é importado,aí o pessoal incorpora facilmente,por qual motivo,não se sabe,por essa e outras nossa cultura(expressões idiomáticas)desaparece em 03 gerações.

  2. Anonymous

    17 de maio de 2010 - 11:41 - 11:41
    Reply

    Em nossa cidade e na região, não se chama pipa, chama-se papagaio, ora pois!

  3. Anonymous

    16 de maio de 2010 - 23:12 - 23:12
    Reply

    VELÓRIO DE DIVINO BOCA QUENTA NA CÂMARA MUNICIPAL DE PARAUAPEBAS

    Prezado Hiroshi,
    Não há dúvidas de que os critérios utilizados por TODAS as Casa Legislativas para definirem a realização de um Velório em sua sede são muito semelhantes, mas quase cem por cento nobres. Em Parauapebas é diferente. Acredito que a Câmara Municipal de Parauapebas, através de seus “nobres” edis utilizou seus próprios, ou seja: a UNIÃO. Mostrou que A CLASSE DOS BANDIDOS É UNIDA! Nada mais justo que o bandido, assassino, subjugador de oprimidos, escravagista DIVINO BOCA QUENTE fosse velado na casa de trabalho de seus pares. Afinal, as únicas atividade que os “nobres” edis verdadeiramente exercem se assemelham muito àquelas exercidas pelo intempestivamente falecido(já foi tarde). Mais do que ser transparente, como o executivo que não esconde suas falcatruas, o legislativo resolveu AFRONTAR a população. Não estão satisfeitos em apenas SUBJUGAR, ESCRAVIZAR, ROUBAR (através do mensalinho e outras falcatruas) a população de Parauapebas. Acharam pouco e resolveram definitivamente pisar e ofender moralmente o povo. Perderam o respeito total pela pessoa humana. Resolveram agora se divertir TRIPUDIANDO e rindo da cara do povo. Velar um bandido, assassino de trabalhadores e pais de família na Câmara é o cúmulo da estupidez. E alguns “vereadores” ainda querem ser candidatos a deputado este ano. Não acredito. Mas, afinal é uma sociedade hipócrita. Os mesmos fazendeiros que o criticavam por ter invadido a fazenda de seu benfeitor, o saudoso Serraria, são os mesmos que estavam utilizando de seus serviços, seja como “cobrador” ou para retirar invasores de terra. Na verdade, Parauapebas é uma cidade de homens frouxos. Só Têm fama de valentes, mas se borram ante um bandidinho como o Boca Quente, ou ante um prefeitinho como Darci, ou ainda ante uma camarazinha povoada de pilantrinhas de quinta categoria. Como diz o Marcel: “eta terrinha de muro baixo”. Acredito que agora chegamos ao fundo do poço. Lamentável meu caro Hiroshi! Mas quem disse que a realidade não é dura.

Leave a Reply to Anonymous

Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *