Hiroshi Bogéa On line

Canaã dos Carajás: secretário estupra servidora

Sempre em cima do lance, Maria Julinha de Adelaide reaparece com notícia “bomba” de Canaã: estupro praticado por funcionário do prefeito Itamar Francisco.

O relato de Julinha:

 

 

O secretário de Gestão e Planejamento de Canaã dos Carajás, Jurandir Ferreira, está foragido. Pesa contra ele acusação de ter estuprado a funcionária pública do município, Telma, de 42 anos, do Instituto de Desenvolvimento- Idurb.

Segundo a denúncia e o boletim de ocorrência, o estupro aconteceu na casa de Jurandir.

A vítima disse à polícia que foi até a casa do acusado tratar de assuntos relacionados ao governo, já que o mesmo foi nomeado à secretário de planaejamento, pelo prefeito em exercício Itamar Francisco, onde teria ocorrido o ato. Em depoimento à polícia, a vítima disse ainda que Jurandir soltou os cachorros ferozes, que cria na casa, para que a mesma não pudesse deixar a residência.

O exame Conjunção Carnal provisório, já foi feito, onde se constata a presença de sêmen, confirmando assim o ato sexual.
Jurandir Ferreira era visto na cidade como substituto do vice-prefeito Itamar Francisco, quando este havia ido embora para o Tocantins, após as eleições. Com o afastamento de Anuar Alves e consequente posse do vice-prefeito, Itamar tratou logo de nomear Jurandir na secretário de Gestão e Planejamento.

Enquanto estava mamando nas tetas de Anuar, Jurandir defendia o governo com unhas e dentes através de uma página na Internet.

Após Itamar ressurgir das cinzas, Jurandir é chutado pela administração Anuar Alves, e começa a tecer sérias acusações e críticas ao governo do qual ele era aliado.

Com sua nomeação na atual gestão, Jurandir parou de escrever no “blog”, afinal como secretário tinha muitos milhões para “administrar”.

O que corre à boca pequena em Canaã é que no governo de Anuar, tinha o “Anuarinho” – filho do prefeito cassado. Agora, no governo de Itamar, tem o “Jurandizinho”, “adotado” do prefeito recpem empossado.

Um dos detalhes do perfil de Jurandir é a descoberta de que ele é uma pessoa caluniadora. Quem o conhece, afirma que o rapaz, “para aparecer, faz de tudo”. Ou seja, característica de pessoa sem brilho próprio.

Lembro uma vez, há uns dois anos atrás, em que ele publicou uma nota sobre uma jornalista recém chegada a Canaã: ”Deus não dá asa a cobra, pois se desse, essa tal jornalista estaria fazendo fotos aéreas para o dito jornal onde trabalhava”.

Agora, diante desse fato lamentável, o mínimo que se espera da polícia é que prenda o moço acusado de estuprador, e que ele responda pelos seus crimes na cadeia.

Quanto ao prefeito Itamar Francisco, espera-se do mesmo a exoneração imediata do acusado.
Até a manhã desta quinta-feira, 22, não constava no quadro de avisos da prefeitura qualquer portaria afastando Jurandir de suas funções. (Maria Julinha de Adelaide)

Post de 

12 Comentários

  1. ferrnando silas sathler silva

    27 de abril de 2012 - 15:48 - 15:48
    Reply

    E muito constrangedor tudo isso e meio estranho não dar nem para acreditar so ouvindo do proprio jurandir o bekão

  2. tinho

    29 de março de 2012 - 14:46 - 14:46
    Reply

    oi gostaria de saber como é canaa dos carajas to indo ai nesse ano gostaria de informacoes da cidade;;

  3. REVOLUCIONARIA

    26 de março de 2012 - 10:59 - 10:59
    Reply

    Coitados dos municipes, ninguem quer entrar nessa prefeitura com a intenção de resolver os problemas sociais de Canaã dos Carajás, que não são poucos; todos na verdade so olham o proprio umbigo, o povo tem que decidir pelo direito democratico do voto, e mudar toda essa mafia que existe nessa cidade. MUDAR MESMO! Tanto o executivo como toda aquela quadrila do legislativo, que não fiscaliza nada, é só na base da propina até p/ se aprovar um projeto de lei. GENTE DE CANAÃ vamos parar de ficar com os braços cruzados, vamos p/ rua protestar e lutar pelos nossos direitos, pois o que vem acontecendo ultimamente é uma verdadeira falta de respeito para com a população. Isso vai além da corrupção.

  4. Anônimo

    25 de março de 2012 - 12:28 - 12:28
    Reply

    nao acredito nesta estoria e mais um jogo politico em canaa dos carajas

  5. Servidora

    22 de março de 2012 - 17:31 - 17:31
    Reply

    Desculpem, vou ao banheiro vomitar!

  6. Mayara Cruz

    22 de março de 2012 - 15:22 - 15:22
    Reply

    Canaã dos Carajás é um grande e bagunçado feudo! Enquanto isso o que fazem os servos? Dirigem uma hilux, tomam sorvete em estabelecimentos que obstruem a passagem do pedestre, enchem a cara nos botecos, enchem linguiça na porta da prefeitura, defendem a vale…

  7. Marabaense de bem com a vida

    22 de março de 2012 - 14:55 - 14:55
    Reply

    Hiroshi,
    Conheço bem Canaã pois tenho negócios por lá. É triste, lá é muito triste, a cidade sempre foi muito pessimamente administrada, querem governá-la como se fosse uma grande fazenda, enfim é tudo de cabeça pra baixo.

    Só por falta de amor próprio é que se justifica o fato de terem votado novamente no Anuar, tido e havido como péssimo em qualquer escala de valores, juntamente com o filho, o famigerado ‘anuarim’.

  8. Mayara Cruz

    22 de março de 2012 - 12:47 - 12:47
    Reply

    kkkkkkkkk…Muito obrigada pela diga caro “Olhar feminino”. Mas, não precisava querida! Conheço a ortografia! Sei como se escreve a palavra “cega”. Você me conhece querida e tenho certeza que compreende que usei o “s” propositalmente, assim como o uso incorreto do ponto e vírgula que passou aos seus olhos desapercebido. Eu esperava comentários como o seu, portanto diante dessa situação cabe a nós refletir… Por que estamos constantemente procurando picuinhas, difamando e comprando revoltinhas femininas e esquecemos de cuidar da mazela pessoal? Por que não houve comentário de uma visão crítica, ou ninguém assimilou qualquer palavra a Thomas Morus? Por que ninguém lembra de Zaratustra, ou da enfermidade que se avista da própria janela? Este problema não está presa na tela do computador, suas raízes começam na sociedade. Saibam que não posto palavras, mas espelhos, que refletem aquilo que escondem, aquilo que dói. Se doeu, por favor não me perdoem. Gosto do que é real e a realidade é ácida. Não afirmo que sou dona da verdade, mas… não é que eu gosto dela!

  9. Anonimo

    22 de março de 2012 - 11:47 - 11:47
    Reply

    Esse Jurandir sempre quis ser o prefeito de Canaã. Prova disso é que era ele quem estava governando e não o Itamar. O rapaz foi só virar secretrário já tratou de agasalhar seus amigos lá de Belém aqui na prefeitura. Bem feito de secretário a foragido da polícia.

  10. Olhar Feminino

    22 de março de 2012 - 11:22 - 11:22
    Reply

    Não sei se saio correndo de Canaã ou se compro um dicionário para a jornalista Mayara Cruz. Usa palavras tão bonitas, como autofagia, mas não sabe escrever, uma palavra tão simples como cega. Realmente tem muita gente cega mesmo. E cega com “s”.

    • Hiroshi Bogéa

      22 de março de 2012 - 11:32 - 11:32
      Reply

      Olhar Feminino, você de novo aqui, pontualmente, em cima do lance, espalhando sábias observações. Não fique muito tempo ausente, sentimos suas falta, querida!!

  11. Mayara Cruz

    22 de março de 2012 - 10:45 - 10:45
    Reply

    Canaã dos Carajás é um imenso quintal sujo, onde não há um sequer que não tenha se sujado com os pés descalços na lama. A hipocrisia é doença que sega e submete á autofagia. Crime pior você comete todos os dias, elegendo criminosos, caluniando, difamando e sendo religioso. O caso desse secretário é detalhe da tua sujeira, o caso dessa jornalista é ibope que nos diverte. Quando a notícia cai em minhas mãos, como jornalista, tenho duas escolhas; ou ganho dinheiro da polêmica que crio ou começo a pensar na possibilidade de alguma coisa está errada. E você hipócrita o que faz? Vai “curtir” e bancar o sociopata, ou vai enfim abrir os olhos para sujeira que está sua casa?

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *