Hiroshi Bogéa On line

Caminhada pela vida, contra injustiças

 

 

Crescem as atividades promovidas pela a Ong Movida (Movimento pela Vida) exigindo ação das autoridades paraenses contra a impunidade. As últimas mortes ocorridas em Belém, têm mobilizado a sociedade.

No meio da semana, mais precisamente dia 10 de janeiro, data que marcou o sétimo aniversario da morte de Gustavo Russo, promotor de eventos assassinado por policiais em uma ação na Av. João Paulo II, caminhada (foto) percorreu as ruas do bairro do Marco e S. Braz, contando com a participação de aproximadamente 150 pessoas, familiares e amigos de vitimas de violência, membros da ONG.

Na oportunidade foi feita uma homenagem ao guarda Adauto Melo, morto no ultimo dia 26 de dezembro, quando atuava na organização do trânsito no cruzamento das avenidas Almirante Barroso com Humaitá, em que mais uma vez foi feito apelo às autoridades para que a justiça seja feita e que esse não seja apenas mais um caso de violência sem punição.

A caminhada finalizou com um ato religioso e homenagem às vitimas de violência realizado no cruzamento da Av. João Paulo II, esquina com a TV. Mauriti, local do assassinato de Gustavo Russo. O dia 10 de janeiro segundo PL 121/2011, marca dia de luta pela vida e paz.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *