Hiroshi Bogéa On line

Cada um por si

Depois do Caso Furtado, a relação da Polícia Judiciária com a Polícia Civil de Marabá está bastante carregada. O clima de animosidade chegou ao extremo no meio da semana quando o juiz César Dias Lima deu ordem de prisão à delegada Nilde Rosa. O fato só não se consumou depois de longa reunião da Superintendente de Polícia do Sudeste, Sílvia Mara com o próprio magistrado e outras autoridades, entre elas, a promotora Cristina Lacerda, corregedora de polícia, Ana Indira e a delegada Nilde.

Silvia Mara foi denunciada junto a corregedoria da PC pelo promotor José Furtado.

Quem está amando as desavenças das altas autoridades do município é a bandidagem.

Post de 

1 Comentário

  1. Anonymous

    1 de março de 2008 - 01:39 - 1:39
    Reply

    Hiroshy,
    é uma vergonha, após o Crime praticado pelo Promotor Furtado, o Ministerio Público, e agora esse Juiz, tentam intimidar a Policia. Ressalta-se que até o momento, o Promotor, ai nda não foi afastado, continua trabalhando, como que nada tivesse ocorrido. Pobre Ministerio Público, que ficou completamente desmoralizado em Marabá.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *