Cabalando nos bairros

Lendo nos jornais de Belém ameaças de alguns lideres comunitários de que irão parar a cidade, semana que chega, contra a construção do Binário – projeto de transporte público para amenizar o sofrimento de motoristas no trânsito da cidade -, é impossível deixar de emitir opinião.

No meio desse pessoal, exatamente às vésperas de eleição, há muita gente pretendendo disputar uma vaga à Câmara Municipal, ou querendo “mostrar serviço” para outros pré-candidatos a proporcionais de olho no dinheiro que podem ganhar prometendo votos. Com habilidade, encontram logo demandas e começam a incentivar a população a agir passionamente.

O projeto Binário é uma necessidade. O transito de Belém está insuportável, não cabe mais delongas de botequins. A questão das distancias para cadeirantes que a mudança de tráfego acarretará pode ser resolvida com a simples inclusão de novos itinerários. Isto é básico!

A prefeitura não pode recuar. O binário é uma necessidade técnica.