Bombeiros já utilizam equipamento que facilita resgate de vítimas de colisão

 

CB

Uma nova ferramenta de salvamento, que auxilia o resgate de vítimas de colisão de veículos pesados e a remoção de entulhos em desastres, já está disponível para o Corpo de Bombeiros do Pará.

O 1º Grupamento de Busca e Salvamento, sediado em Belém, começou a utilizar as almofadas pneumáticas, um sistema à base de ar, desde a última quinta-feira (21). A ferramenta possibilita o levantamento de 132 toneladas, elevando objetos de obstrução até dois metros de altura.

“As almofadas pneumáticas são materiais de salvamento de última tecnologia. A sua principal utilização é no levantamento de cargas em casos de desabamento de prédio e acidentes envolvendo carretas, caminhões e ônibus. Quando desinflado, o equipamento tem uma espessura de no máximo 10 centímetros, o que facilita a entrada em qualquer fresta para fazer levantamento de carga”, explicou o tenente Zilvandro Macedo.

Adquirido na Holanda, o kit com as almofadas possui dois modelos, o NT8 e o NT4.

As almofadas de modelo NT4 ajudam a criar um ângulo estabilizador, e as NT8 possibilitam levantar objetos de 132 toneladas. Ambos conseguem elevar os objetos até dois metros. A ferramenta também possui vantagens em relação às almofadas pneumáticas dos modelos 8 Ba (quadrada) e 0,5 Ba (redonda), por terem oito vezes mais capacidade de estabilização, sem perda de contato e risco de perfuração.

Para começar a utilizar o equipamento, o segundo a ser utilizado na Região Norte, a corporação escolheu o quartel do 1º Grupamento de Busca e Salvamento, que mais atende ocorrências operacionais que necessitam desse tipo de ferramenta.