Blog antecipou falência da Celpa há dois anos

Publicado em 29 de fevereiro de 2012

 

 

Numa terça-feira, 8 de setembro de 2009, o blog publicava, ainda em seu antigo formato,  nota sobre a possibilidade da Celpa ser reestatizada. Foi um deus nos acuda de gente ligada à empresa mandando emeios para desmentir a situação de insolvência da  companhia, levantada pelo pôster, baseado em informações  de fontes do governo federal.

Naquela data,  publicamos o seguinte:

 

Quase apagando

Franssinete diz que a “Celpa vem abusando da paciência do consumidor e as queixas se avolumam”, com registro, em todos os bairros de Belém, de “constante interrupção no fornecimento de energia, sem aviso prévio”.

O apaga-acende não é privilégio dos citadinos da capital. No interior, a empresa não apenas anda deixando a população às escuras como, quase sempre, demora a restabelecer os serviços e a recuperar as panes estabelecidas em transformadores velhos e sobrecarregados.

No frigir do picadinho, a verdade é que a Celpa está sem dinheiro. Tenta, há meses, fechar negociações de capitalização com a Eletrobrás, mas esbarra na divisão societária na qual ela quer ter 51%. A reestatização da empresa esteve por um fio.

Ultimamente, através de negociações comandadas pelo próprio governo federal, tenta-se uma engenharia de venda de cotas da Celpa para um outro grupo privado concorrente.

A condição, digamos assim, prefalimentar da companhia de energia, é apontada como a principal responsável pelo não cumprimento dos prazos estabelecidos pelo governo Lula para a implantação, em todo o Pará, do programa Energia Para Todos. Em Brasília, há setores indignados com o atraso do programa que é uma das meninas dos olhos do presidente da República.

 

(Originalmente,  AQUI)

 

Somente em fevereiro de 2010, cinco meses depois, imprensa de modo geral e outros canais da blogosfera  tocavam no assunto.

Vejam aqui.

 

Pois bem, mais de dois anos depois, chega ao fim o jogo de encenação e os esforços da Celpa em esconder a situação de falência técnica consubstanciada agora com seu pedido de concordada.

 

Ou seja, os fatos comprovam sempre que o poster tem uma rede de fontes  privilegiadas  comprometidas em ajudar a construir este blog com a informação correta, preferencialmente, em primeira mão.

 

—————————-

Atualização às 17:36

Comentário postado pelo poeta, radialista e  blogueiro, Jota Ninos:

 

É por tudo isso, Hiroshi, que a sigla da CELPA sempre teve um segundo significado: Certeza de Escuridão nos Lares PAraenses…