Hiroshi Bogéa On line

Biólogo prevê dias difíceis para o Estado do Pará no enfrentamento ao coronavírus

Figurinha carimbada no mundo nerd – majoritariamente frequentado pela juventude -, o biólogo Átila Iamarino, de 36 anos, é, hoje, uma das vozes (senão “a” voz) mais ouvidas da internet quando se trata do assunto do momento: a pandemia do novo coronavírus.

O fenômeno que levou o pesquisador, doutor em microbiologia pela Universidade de São Paulo (USP) e com passagem pela Universidade de Yale, a extrapolar de vez o universo pop para circular nos seletíssimos grupos de WhatsApp de família teve início há um mês, quando, durante uma transmissão ao vivo no YouTube, Iamarino projetou que a Covid-19 poderia matar até um milhão de pessoas no Brasil, se nada fosse feito.

Hoje, em live em sua rede social, Átila considera seriamente o Estado do Pará transfomar-se na unidade da Federação com maior número de casos da doença proporcionalmente.

Vejam o vídeo do biólogo:

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *