Hiroshi Bogéa On line

Benfica festeja recuperação da PA-404 elogiando qualidade da obra

Quem passa pela via principal do distrito de Benfica, em verdade a pista de rolamento da PA-404, não imagina estar pisando em solo paraense de longa importância na história do Estado.

Pertencente ao município de Benevides, o lugarejo é um dos mais antigos.

Benfica está sendo diretamente benficiada pelas obras de recuperação da PA-404, cujos serviços foram intensificados.

Começando hoje, o  blogueiro fez um apanhado de algumas rodovias que estão sendo recuperadas pelo governo do Estado, percorrendo durante oito dias vários lugares.

Em toda a extensão da PA-404 já se observa o valor dos serviços para a comunidade.

Não apenas motoristas que trafegam transportando gêneros, bem como pessoas que residem no entorno e precisam da rodovia para se locomoverem.

Os benefícios são genéricos.

Na via que cruza a área comercial em uma extensão de quase um quilometro, não há uma pessoa que não esteja satisfeita com a recuperação da pavimentação da rodovia.

Orla de Benfica, à beira de um igarapé

Dona Maria, vendedora de água de coco e de frutas, diz que fica na  beira da estrada das 6 às 19 horas, diariamente, e que tem agora experimentado um aumento expressivo de suas vendas.

“Antes desses serviços que o Helder ( Barbalho, governador) mandou fazer, a gente vendia bem menos. Agora a coisa mudou. Aumentou o movimento de carros, e aumentaram as vendas. Só temos a agradecer.

Em toda a extensão da pista rodoviária, comerciantes, consumidores e motoristas elogiam a qualidade das obras.

“A gente precisava disso há mais de dez anos. Antes, vinham aqui,, faziam um tapa-buracos mixuruca, iam embora e, 30 dias depois, a estrada já estava cheia de buracos, novamente. Agora, não!” , acusa o dono de um comércio em Benfica, José Ceará, que reside no distrito há mais de 30 anos.

Benfica é uma vila cercada de igarapés e pequenos lagos artificiais usados pelos banhistas da localidade e pessoas que  chegam de várias cidades da Região Metropolitana de Belém.

Os moradores de Benevides, sede do município,, procuram muito Benfica, usando a Pa-404.

A população local sente orgulha de sua história.

Josué Braga Miranda, professor numa escola de ensino Fundamental, expressa esse sentimento, revelando a auto-estima recuperada com  a presença do Estado na localidade.

“É pousa coisa esse serviço de recuperação da PA-404, pode ser. Mas é muito pra nós que aguardávamos a melhoria de nossa estrada fazia muitos anos”, diz.

Josué é um dos benfiquenses que defende a origem do lugar bem antes daquilo que é lido nos livros contemporâneos.

Lago formado em um igarapé: ponto de encontro turístico

“Há relatos históricos apontando o ano de 1654, como sendo o ano de sua fundação, mais alguns historiadores já encontraram documentos que citam Benfica como sendo uma das mais antigas do estado, até mais que Vigia”, diz.

E arremata:

“Por isso os governos estaduais  deveriam respeitar mais nossa Vila, não olhar apenas para a sede de Benevides. Mesmo diante de tal significado para a formação do território paraense, o distrito sempre foi relegado às vistas do Estado, mas agora parece que isso vai mudar, e as obras da PA-404 é uma prova”.

Segundo todos os entrevistados pelo blogueiro, a rodovia que dá acesso ao lugar, PA-404, até recentemente vivia no esquecimento.

As obras de recuperação da rodovia PA 404, que liga a BR 316 não apenas a Benfica, como também aos distritos de  Santa Maria  e Murinin, é apenas o primeiro passo para a Setran, em futuro próximo, realizar a recuperação plena da estrada, que deverá  ganhar nova base, sub-base, novo sistema de drenagem e pavimentação completa.

Com 14,50 quilômetros de extensão, a rodovia PA-404 passa por um trabalho de eliminação de pontos críticos, serviço de operação tapa-buraco, nivelamento da pista, roçagem, além de nova sinalização horizontal e vertical.

As obras em fase final, agradam a todos os moradores.

Mais agradam principalmente, condutores que a utilizam diariamente.

Maurício Santiago de Abreu (foto abaixo), residente na vila, diariamente  se desloca até Ananindeua, onde trabalha.

Antes da recuperação da PA, ele fazia o trecho perdendo muito tempo, “para escapar dos buracos”.

Agora, diz ele, “tudo está sendo tranquilo, com a vantagem de que ganhamos mais segurança”

Distante apenas 30 quilômetros de Belém, a rodovia, localizada no distrito de Benfica (Benevides), faz ligação com a BR-316, atravessa o distrito de Murinin (Benevides), as localidades de Santa Maria de Benfica e ainda interliga a PA-391, que dá acesso a ilha do Mosqueiro, recebe serviços de instalação de bueiro e limpeza lateral para dar trafegabilidade ao trecho da pista avariada – além de pavimentação.

Cruzando toda a extensão da via comercial dos distrito, a PA-404 ficou plenamente recuperada (foto acima) gerando plena satisfação entre os moradores.

Para quem não sabe,  Benfica é um ponto de atrativos turísticos.

Principalmente seus igarapés gelados e o portal da orla, atraem milhares de pessoas nos finais de semana e feriados.

O nome Benfica é uma homenagem a uma vila, de mesmo nome, que se situa nos arrabalde de Lisboa, em Portugal.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *