Avalistas cabreiros

Publicado em 25 de agosto de 2009

Consta que a prefeitura de Marabá tenta arrancar empréstimo do Banco do Brasil para aplicação em investimentos. Capacidade de endividamente, a PMM já teria essa exigência assegurada, graças ao rigor fiscal com que ela foi gerenciada nos últimos anos.

A análise de risco de crédito e avaliação da capacidade de pagamento do município, isso não seria problema, portanto.
O que está pegando é a dificuldade de se encontrar avalistas.
Consultadas, Vale e a Buritirama se esquivaram, elegantemente, de endossar a proposta.
Para as duas empresas, melhor recolher impostos em dia do que garantir aval antecipado.

Dois secretários da prefeitura, consultados, disseram desconhecer o assunto.
O blog tentou falar com o prefeito Maurino Magalhães, mas o celular, apesar de diversas ligações feitas, nao foi atendido.