Atividades da Cosipar interditadas

Publicado em 7 de maio de 2008

Estranhamente, o Ibama, até agora, não levou ao conhecimento público a interdição dos alto fornos da Cosipar, ocorrida ontem, 06. A empresa vinha operando na clandestinidade depois da suspensão de liminar pedida pela Procuradoria Geral do Estado que lhe garantia sobrevida.

É muito estranho esse silêncio considerando o Ibama um órgão público federal com suas atividade mantidas com dinheiro do contribuinte e que deveria, portanto, prestar contas de seus atos.

A interdição dos altos fornos da Cosipar ocorreu pela parte da manhã, depois de longas marchas e contra-marchas dentro da empresa, em Marabá, e apelos comoventes de Executivo da usina no sentido do Ibama manter a decisão sob sigilo -, “a fim de não prejudicar a imagem da empresa junto aos seus clientes no exterior”.

O blog sustenta: a Cosipar está com suas atividades interditadas. As unidades de produção de ferro gusa operam apenas tecnicamente.