Aspones ativos

Publicado em 6 de março de 2008

A secretaria de Saúde de Marabá divulga dados preocupantes sobre o aumento de pessoas vítimas de dengue no município. O diretor Técnico da 11ª Regional de Proteção Social, Demerval Silva, contesta os números e critica a forma de atuação da prefeitura na auditagem da doença.

Na mesma casa, o chefe de Endemias da RPS escancara em entrevista não dispor de nenhuma informação de casos de dengue hemorrágica. “Só quem pode dar essas informações é o laboratório central, em Belém”.

Enquanto isso, diariamente, a imprensa registra o aumento do número de pacientes internados nos hospitais da região acometidos pela dengue.