Asdrubal e Ana Júlia

Publicado em 11 de maio de 2007

Asdrubal Bentes (PMDB) fez no início da noite de quinta-feira (10) discurso da tribuna da Câmara Federal defendendo a governadora Ana Júlia. Resumo.

1- Sobre as críticas:
– Ultimamente, ela tem sido alvo de críticas mesquinhas, infundadas, levianas, dirigidas mais à sua vida pessoal do que à sua administração. Quero solidarizar-me com Sua Excelência e repudiar essas críticas que denigrem a imagem do meu Estado.
2- O PTP:
– A governadora está fazendo périplos em todas as regiões do Estado, discutindo com as comunidades a implantação do seu Planejamento Territorial Participativo, altamente democrático, com o objetivo de incluir os anseios da comunidade paraense no Plano Plurianual das obras a serem executadas entre 2008 e 2011.
3- Carlos Guedes citado:
– Congratulo-me com Ana Júlia pela iniciativa de interagir com a comunidade, ao tempo em que ressalto o importante papel desempenhado pelo Secretario de Planejamento, Orçamento e Finanças, Carlos Guedes, na elaboração desse arrojado projeto de envolvimento da sociedade nas decisões do Governo.
4- Combate às desigualdades:
– Nos primeiros 127 dias de seu governo, a governadora já tomou decisões que visam combater as desigualdades sociais em nosso Estado e dar melhores condições de vida, principalmente, às pessoas mais carentes. Entre essas decisões, cito a isenção de ICMS na conta de luz para o consumo de até 100 quilowatts de energia e a redução de 25% para 15% nas contas de luz de 101 a 150 quilowatts. Isso representa uma renúncia fiscal de R$ 28 milhões/ano, mas também repassa uma massa considerável de recursos às mãos de famílias carentes que devem lhes dar nova destinação pessoal principalmente para sua subsistência.
5- Ações gerais:
– Ana Júlia anunciou a garantia de Internet gratuita e de qualidade para muitas regiões do Estado; redução do imposto sobre óleo diesel para pescadores, e se debruça atualmente no trabalho de agilizar o licenciamento ambiental nas áreas de assentamento para garantir renda aos assentados e matéria-prima para o setor florestal.
6- Mensagem aos produtores rurais:
– Tranquilizo os produtores rurais, lembrando que diferentemente do que se anuncia, a governadora mandou cumprir as decisões judiciais de reintegração de posse nas áreas invadidas, quer na zona rural, quer na urbana. O exemplo disso está em Tucuruí, exatamente na invasão conhecida como Nova Matinha, localizada às margens do Rio Tocantins.