Alunos denunciam IFPA, em Conceição do Araguaia

Publicado em 15 de março de 2013

 

 

Em Conceição do Araguaia, discentes do Instituto Federal do Pará (IFPA) delatam formalmente a carência de estrutura física, bem como a falta de professores.

Os alunos de mais de 20 cursos paralisados não mais toleram perder aulas, e, denunciam o Instituto, que, embora tenha sido inaugurado em 2010, já apresenta inúmeros equipamentos danificados,  entre os corredores e salas abandonadas do prédio.

Os estudantes, também, relatam que várias paredes e pisos encontram-se em estado de rachadura, colocando em risco a saúde dos que frequentam o espaço.

Outras questões, também, foram colocadas em ata pelos estudantes, como a inexistência de um refeitório, prejudicando os alunos de cursos que exigem turno integral, e o abandono do tanque de piscicultura, inviabilizando as aulas práticas que os alunos deveriam ter.

O Instituto declara que tomará providências para que as reivindicações sejam atendidas.