Afrontando o bom senso

Publicado em 5 de maio de 2011

Impressionante as declarações de alguns deputados estaduais considerando “afronta” à Assembleia Legislativa a sentença do juiz Helder Lisboa quebrando o sigilo das contas do parlamento.

Os caratonhas estão enfiados até o talho em bandalheiras, mas não perdem a pose.

Afronta, bom lembrar, são os roubos, até agora comprovados, perpetuados ao longo dos anos por uma corja que usa o mandato para meter a mão no dinheiro público.

Afronta são os esforços da maioria para impedir investigações,  a fundo,   das safadezas praticadas.

Afronta são as sessões festivas, com direito a dança de carimbo, e o escambau, como se tudo estivesse ocorrendo a mil maravilhas dentro da casa, em pleno estágio de sangramento moral.

Livrando a cara de uns dez por aí, esses deputados estaduais do Pará são o que há de pior na política do país.

A xepa da feira.

Contudo, desgraçadamente, ainda aparecem na imprensa, e blogosfera, famintos por dinheiro defendendo os quadrilheiros.